Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Vídeo exclusivo: Frejat chora ao lembrar parceria com Cazuza

Cena está no documentário “Barão Vermelho: Por Que a gente É Assim?', dirigido por Mini Kerti

Por Da redação Atualizado em 19 abr 2017, 14h25 - Publicado em 19 abr 2017, 14h08

Quando Cazuza decidiu deixar o Barão Vermelho e seguir carreira solo, nos idos anos 1980, Roberto Frejat, seu amigo e parceiro na banda, desejou que se desse bem, apesar da falta que faria ao grupo. A amizade é sincera: é o que se vê ainda hoje, em cena inédita do documentário Barão Vermelho: Por Que a gente É Assim?, dirigido por Mini Kerti, que o site de VEJA publica em primeira mão. Na sequência do filme, que estreia no canal pago Curta! dia 8 de maio, Frejat se emociona ao comentar a qualidade de Todo Amor que Houver Nessa Vida, parceria de Cazuza com ele.

  • “Essa música tem uma letra muito profunda, muito densa e muito sofisticada para uma pessoa de 22 anos. Ele devia se sentir orgulhoso de cantar essa música, e hoje em dia eu me sinto orgulhoso de cantar”, diz Frejat, com os olhos já molhados. “Bicho, fizemos uma música foda. Parceiro, arrebentamos”, completa.

    No vídeo, ele também lembra a primeira parceria dos dois, Nós. Assista: 

    Publicidade