Clique e assine com até 92% de desconto

Vice-presidente da Sony renuncia dois meses após ciberataque

Em um dos e-mails vazados pelos hackers, Amy Pascal reclamava por ter que participar de um 'estúpido' café da manhã com Barack Obama

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 21h40 - Publicado em 5 fev 2015, 19h20

A vice-presidente da Sony Pictures Entertainment, Amy Pascal, renunciou ao cargo nesta quinta-feira, dois meses depois do ciberataque que o estúdio sofreu e que expôs e-mails, folha de pagamentos e outros documentos sigilosos do grupo. A executiva deixará formalmente a empresa, mas não cortará os laços: vai abrir uma produtora de filmes, séries de televisão e peças de teatro que será financiada pela Sony.

Leia também:

Em estreia de ‘A Entrevista’, público defende liberdade de expressão

‘A Entrevista’ será lançado em DVD em fevereiro nos EUA

Sony disponibiliza comédia ‘A Entrevista’ na internet

A executiva foi a mais prejudicada pelo ciberataque atribuído à Coreia do Norte, em retaliação ao filme A Entrevista, uma sátira sobre o ditador norte-coreano Kim Jong-un. Os hackers vazartam diversos e-mails comprometedores trocados pela executiva. Em um deles, ela se queixa por ter que participar de um “estúpido” café da manhã com o presidente americano Barack Obama, a quem deveria perguntar sobre os filmes Django Livre, 12 Anos de Escravidão e O Mordomo da Casa Branca, todos abordando escravidão ou racismo nos Estados Unidos.

Amy começará seu novo projeto em maio. “Passei quase toda minha vida profissional na Sony Pictures e estou muito motivada a começar esse novo capítulo em uma empresa que sinto como se fosse minha casa”, afirmou a executiva na nota. “Sempre quis ser produtora”.

A Entrevista – Previsto para entrar em cartaz em 3 000 salas nos Estados Unidos no feriado do Natal, A Entrevista acabou rejeitado pelas grandes redes exibidoras do país por causa de ameaças terroristas. A Sony chegou a cancelar a estreia do filme, mas voltou atrás e lançou a produção em cerca de 300 salas de cinema independentes.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade