Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

‘Velho Chico’ termina em silêncio por Domingos Montagner

Protagonista da novela morreu nesta quinta-feira nas águas do Rio São Francisco

Por Da redação Atualizado em 15 set 2016, 23h34 - Publicado em 15 set 2016, 22h46

A novela das 9 da Globo, Velho Chico, prestou uma discreta homenagem a seu protagonista, o ator Domingos Montagner, morto nesta quinta-feira aos 54 anos nas águas do Rio São Francisco. Os créditos rolaram em silêncio ao final do capítulo. Segundo uma fonte da cúpula da Globo, a emissora ainda não decidiu o que fazer com a novela – a preocupação maior no momento é com a mulher e os três filhos do ator, que já estão sendo amparados. O canal também mandou que os atores que estavam gravando no Nordeste voltassem para o Rio de Janeiro.

LEIA TAMBÉM:
‘Montagner elogiava o São Francisco’, diz conhecida de Canindé
‘Camila Pitanga berrava com as mãos na cabeça por Montagner’
Encontrado o corpo do ator Domingos Montagner, 54
Região do rio onde Montagner mergulhou é extremamente perigosa

Mais cedo, durante o Jornal Nacional, Montagner também foi homenageado. Foi ao ar um pequeno trecho da última cena gravada pelo ator, junto com Camila Pitanga e Gabriel Leone, que interpretam seu par romântico e seu filho, respectivamente, na novela. Além disso, foram exibidas cenas do ator em seus diversos trabalhos na Globo. Confira um trecho abaixo e o vídeo completo no site do JN.

O ator gravava a novela na região de Canindé de São Francisco, em Sergipe, quando decidiu dar um mergulho no rio junto com Camila Pitanga. Segundo depoimento da atriz à polícia, eles foram arrastados por uma correnteza. Ela conseguiu se agarrar a uma pedra, mas Montagner não. Ela não conseguiu ajudar o ator e, ao perceber que ele tinha afundado na água, começou a gritar por socorro.

As buscas na região envolveram helicópteros do Grupamento Tático Aéreo, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, salva-vidas, ambulâncias e pescadores locais. O corpo do ator foi encontrado no começo da noite preso nas pedras, a 30 metros de profundidade, próximo da Usina Hidrelétrica de Xingó.

Continua após a publicidade
Publicidade