Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Vaias a Luciano Huck continuam nas redes sociais

Apresentador foi alvo da torcida no Maracanãzinho

Por Da redação Atualizado em 8 ago 2016, 18h01 - Publicado em 8 ago 2016, 09h15

Uma das poucas vitórias do país no início da Rio-2016 teve um gosto amargo para um torcedor famoso. Entrevistado no intervalo do jogo da seleção masculina de vôlei contra o México, neste domingo, Luciano Huck foi vaiado ao aparecer no telão do Maracanãzinho. O apresentador, que estava com os filhos Joaquim e Benício, é um grande apoiador do tucano Aécio Neves, candidato derrotado à Presidência da República em 2014, e um dos defensores do impeachment de Dilma Rousseff.

LEIA TAMBÉM:
Grupo de haitianos repudia reportagem de Luciano Huck
Cigarro suspeito de Luciano Huck incendeia a internet

Questionado sobre a manifestação do público, Huck contemporizou — “Faz parte”, disse. Mas nem por isso as vaias diminuíram. Pelo contrário: elas continuam nas redes sociais, onde, entre pedidos de ajuda, o apresentador do Caldeirão do Huck, da Globo, vem recebendo pedradas. “Quem com porcos anda farelo come e viverá sujo… O.o”, decretou uma usuária do Instagram, na conta de Huck. “Vai morar em Miami com o dinheiro que ganhou aqui”, escreveu outro. “Uuuuuuuu vaiado! Kkkkkk”, riu-se um terceiro.

A hostilidade foi e é tamanha que o termo “vaia” já aparece ao lado de “Luciano Huck”, quando o nome do apresentador é digitado no Google.

Mas é claro que há os fãs que o apoiam e aqueles que pedem que Luciano Huck, famoso por promover assistencialismo em seu programa, os ajudem. “Luciano, espero um dia você ser tocado por Jesus e vir aqui ajudar, gostaria de ter meu próprio salão”, escreve uma seguidora.

 

Continua após a publicidade
Publicidade