Clique e assine com até 92% de desconto

‘The Batman’ pausa filmagens após Pattinson ser diagnosticado com Covid-19

Longa teve suas atividades interrompidas com a confirmação do diagnóstico do novo coronavírus em um membro da produção, nome inicialmente mantido em segredo

Por Tamara Nassif Atualizado em 3 set 2020, 16h45 - Publicado em 3 set 2020, 16h18

Três dias após retomar suas atividades na Inglaterra, as gravações do filme The Batman foram interrompidas por causa de um caso confirmado de coronavírus entre os membros da produção. Inicialmente o nome da pessoa foi mantido em segredo, mas não demorou a vazar a informação de que o protagonista, Robert Pattinson, testou positivo para o novo coronavírus.

“Um membro da produção de The Batman testou positivo para Covid-19 e está em isolamento, em concordância aos protocolos estabelecidos. As filmagens estão temporariamente paralisadas”, diz o comunicado divulgado pelos estúdios Warner Bros..

Inicialmente marcado para estrear em junho de 2021, The Batman estava a todo vapor no começo do ano quando foi interrompido pela primeira vez e teve sua data de lançamento adiada para outubro. Agora, faltando onze semanas de gravação, 1/4 do filme já está pronto e o material será aproveitado para divulgação de teasers, de acordo com o site americano Deadline.

A retomada do longa segue caminho semelhante de outro que testou as águas para um gradual retorno à normalidade: Jurassic World 3. Nas gravações do terceiro filme da nova trilogia da saga, quatro membros da produção foram diagnosticados com o vírus na ilha de Malta, no Mar Mediterrâneo, cenário de parte da produção. Nas transcorridas em Londres, no estúdio Pinewood, não há nenhum caso confirmado até o momento, ainda que a Universal Studios tenha recentemente negado um rumor que alegava o contrário.

 

  • Continua após a publicidade
    Publicidade