Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Taylor Swift fatura em média US$ 1 milhão por dia

De janeiro até agora, mais de 317 milhões de dólares já entraram em sua conta bancária

Por Da Redação 19 out 2015, 19h07

Dinheiro, definitivamente, não é problema para Taylor Swift. Segundo o tabloide britânico The Daily Express, a americana faturou 1 milhão de dólares por dia em 2015 com a venda do disco 1989, sua turnê e contratos publicitários. De janeiro até agora, mais de 317 milhões de dólares entraram em sua conta bancária.

Mike Raia, analista financeiro americano, diz em entrevista ao jornal que é muito improvável que ela termine 2015 com menos de 365 milhões de dólares no bolso, uma média de 1 milhão de dólares por dia. Segundo a revista Forbes, especializada em calcular grandes fortunas, Taylor, de 25 anos, tem tudo para se tornar uma bilionária antes mesmo do seu aniversário de 30 anos, se continuar nesse ritmo.

LEIA TAMBÉM:

Entenda por que Taylor Swift desbancou Kim Kardashian no Instagram

Taylor Swift, a ‘falsiane’, é acusada de promover supremacia branca

Taylor Swift prova do próprio veneno e vira alvo do One Direction

A cantora vive a melhor fase de sua carreira, colecionando recordes com o último trabalho. O disco 1989 foi o mais vendido de 2014 e manteve o título no primeiro semestre de 2015 nos Estados Unidos.

Safe & Sound (2011)

A música foi gravada para a trilha sonora do filme Jogos Vorazes em parceria com a dupla de folk The Civil Wars, formada por Joy Williams e John Paul White.

Tim McGraw (2006)

A música é o primeiro single de seu álbum estreia, Taylor Swift, lançado em 2006. O título da canção se refere ao cantor de country Tim McGraw, famoso nos Estados Unidos.

 

Love Story (2008)

Faixa de seu segundo álbum de estúdio, Fearless, de 2008, a música foi responsável pelo início do sucesso internacional da cantora e se tornou um dos singles mais vendidos de todos os tempos.

 

Continua após a publicidade

White Horse (2008)

Também faixa do álbum Fearless, a canção rendeu dois prêmios no Grammy de 2010 nas categorias de melhor música country e melhor performance country feminina.

 

 

You Belong With Me (2009)

Das três indicações que recebeu ao Grammy de 2010 (Gravação do Ano, Música do Ano e Melhor performance feminina de música pop), a música não levou nenhum desses prêmios para casa, perdendo para Kings of Leon na primeira categoria e para Beyoncé nas outras duas.

 

Back to December (2010)

A canção é o segundo single no terceiro álbum da americana, Speak Now (2010). Alguns dizem que a música foi escrita para pedir desculpas a seu ex-namorado, o ator Taylor Lautner, o lobisomem da saga Crepúsculo.

 

Mean (2011)

Faixa de seu terceiro disco, a canção ganhou os prêmios do Grammy de 2012 nas categorias de melhor canção country e melhor performance country solo.

 

https://youtube.com/watch?v=NGPyZ7vVO_o

Long Live (2012)

A canção é um dueto entre Taylor Swift e a cantora sertaneja Paula Fernandes, lançado no início deste ano.

 

(Da redação)

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês