Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Spielberg: Modelo de mercado de cinema vai ‘implodir’

O diretor lamentou que até mesmo nomes conhecidos do cinema têm dificuldade para fazer com que seus projetos cheguem às salas de exibição

Por Da Redação 13 jun 2013, 18h29

O diretor americano Steven Spielberg deu uma declaração preocupante a estudantes de cinema da Universidade do Sul da Califórnia. Conforme reportou o site da revista The Hollywood Reporter, o diretor afirmou nesta quarta-feira que o modelo atual do mercado cinematográfico vai “implodir”. Segundo ele, o mercado está em seu limite e bastariam alguns fiascos de bilheteria de longas de alto orçamento para que houvesse danos enormes, capazes de alterar a forma como os estúdios fecham negócio.

Leia também:

Bradley Cooper vai atuar e produzir filme com Spielberg

Com Spielberg no júri, Cannes 2013 tem sotaque americano

“Vai haver uma implosão em que três, quatro ou talvez meia dúzia de filmes de alto orçamento vão fracassar em arrecadação. Isso vai mudar o paradigma do cinema”, disse o diretor. Como resultado, os preços de ingressos subiriam. “Você vai ter que pagar 25 dólares para ver o próximo Homem de Ferro, afirmou Spielberg. Ele lembrou que seu último filme, Lincoln, por pouco não se transformou em uma produção para a TV em vez de um amplo lançamento nos cinemas, como aconteceu, com direito a disputar e vencer Oscars — a estatueta de melhor ator para Daniel Day-Lewis e a de produção em design.

Leia também:

Ang Lee surpreende e bate Spielberg na direção

O criador da saga Star Wars, George Lucas, também esteve no evento e disse que é possível que no futuro o mercado cinematográfico lembre a Broadway, a grande rua do teatro americano: um número menor de produções, em cartaz por mais tempo e com ingressos mais caros. “O caminho para os filmes está se tornando cada vez mais difícil”, disse Lucas.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)