Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Rodrigo Santoro lança ‘Heleno’ nos Estados Unidos

Por Da Redação 6 dez 2012, 20h27

O jogador Heleno de Freitas, uma lenda do futebol brasileiro da década de 1940, voltou a brilhar na pele do ator Rodrigo Santoro no filme Heleno, dirigido por José Henrique Fonseca, que estreia nesta sexta-feira nos Estados Unidos. “Heleno foi um personagem muito importante, por isso é uma honra contá-la para a minha geração, e, inclusive, para a do meu pai”, disse o ator sobre o longa lançado em março deste ano no Brasil.

Santoro conta que o único membro de sua família que lembrava de Heleno era seu avô, já que essa foi a geração que presenciou a carreira do jogador do Botafogo e que morreu de sífilis aos 39 anos, para depois cair no ostracismo.

“Cada pequeno detalhe que descobria sobre este personagem me intrigava mais e mais. Como jogador era muito bom, habilidoso, um gênio, mas pessoalmente era extremamente instável e problemático, tinha quase dupla personalidade”, diz Santoro.

Sua personalidade controversa contrastava com a qualidade de seu trabalho em campo, louvado inclusive pelo escritor Gabriel García Márquez, que disse, durante a época na qual Heleno jogou em Barranquilla (Colômbia), que a entrada para vê-lo em ação valia cada centavo, mesmo que o time perdesse a partida.

Santoro lembrou ainda o processo longo e intenso de preparação para o personagem que incluiu aulas com jogadores profissionais, conversas com médicos para informar-se sobre a sífilis e a tarefa de perder doze quilos em dois meses.

Além dos Estados Unidos, Heleno deve ser exibido na Espanha, Reino Unido e Alemanha.

(Com agência EFE)

Continua após a publicidade
Publicidade