Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Rock in Rio pode inspirar esquete do Porta dos Fundos

Antonio Tabet curtiu o festival ao lado de parte do elenco do canal de humor

Por Pollyane Lima e Silva, do Rio de Janeiro 24 set 2013, 12h10

Em um dos camarotes do Rock in Rio 2013, parte do elenco de Porta dos Fundos curtia os shows. “Folga merecida”, poderiam pensar os fãs dos especialistas em fazer rir com vídeos curtos e certeiros na internet. “Nem tanto”, explica Marcos Veras, “Todo ator é um observador 24 horas por dia. O comediante precisa ser 48 horas”. Sim, eles também estavam trabalhando, mesmo sem querer. Antonio Tabet, um dos responsáveis pelos roteiros, por exemplo, já pensava em um novo episódio para o canal de humor.

“Fiquei pensando em como deve ser organizar um festival como esse. E como, em um evento de rock, você decide levar a Ivete Sangalo. Isso renderia um esquete legal”, adiantou ele, em conversa com o site de VEJA no dia em que foi assistir Metallica (quinta-feira). “Nada contra quem gosta, mas é como levar o Sepultura para tocar no Carnaval de Salvador. Colocar axé no Rock in Rio não faz jus ao Rock nem ao Rio nem ao ‘In'”, completou, criticando a programação do primeiro final de semana do evento.

Leia também:

Leia também: Porta dos Fundos é destaque no ‘The New York Times’

Veras, que curtia seu primeiro Rock in Rio ao lado da mulher, Júlia Rabello, não entrou no mérito das atrações. Foi mesmo pelo encontro com os amigos. É difícil, aliás, ver um integrante de Porta dos Fundos sozinho em um evento. Olhe para o lado e você sempre vai encontrar ao menos mais um deles. E é assim que eles gostam. “Nossa amizade é verdadeira e isso faz toda a diferença, torna nosso ambiente de trabalho bacana e se reflete também nos vídeos”, comentou o humorista.

Rock in Rio 2015:

Medina quer exibir festival em telões pelo Brasil

Procura-se novo lugar para o Sunset

Continua após a publicidade
Publicidade