Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Rihanna: ‘Sentia que Chris Brown precisava de ajuda’

Cantora falou sobre a agressão sofrida pelo ex-namorado em 2009 em entrevista à Oprah Winfrey exibida na noite desta quarta-feira na TV americana

Por Da Redação 16 ago 2012, 21h02

Nos últimos meses, Rihanna vem dando indicativos de que perdoou o ex-namorado, Chris Brown, por tê-la agredido em 2009. Além de ter lançado duas músicas juntos no fim do ano passado, ambos têm sido vistos juntos frequentemente em clubes noturnos. Nesta quarta-feira, em meio a lágrimas, a cantora falou pela primeira vez sobre o caso.

Rihanna: ‘Parceria com Chris Brown foi profissional’

Rappers saem no tapa por Rihanna, diz tabloide

Em entrevista à apresentadora Oprah Winfrey, que foi ao ar na televisão americana à noite, Rihanna disse que, após ser agredida por Brown, ficou preocupada em como ele seria visto pelos fãs. “Eu perdi o meu melhor amigo. Tudo o que eu conhecia mudou em uma noite, e eu não podia controlar isso. Não foi fácil entender ou interpretar, não com o mundo todo observando. Tudo se tornou um circo, e eu senti que precisava proteger ele, porque era a única pessoa que todos odiavam na história”, disse.

Rihanna afirmou ainda que acreditava que o ex precisava de ajuda psicológica. “Por mais brava que eu estivesse, e machucada e traída, eu sentia que ele cometeu esse erro porque precisava de ajuda. E quem iria ajudá-lo? Ninguém diria que ele precisava de ajuda, todos disseram que ele era um monstro. Eu estava mais preocupada com ele”, disse.

Após ter agredido Rihanna, Brown foi considerado culpado na justiça e condenado a 80 horas de serviço comunitário, além de passar cinco anos em liberdade condicional.

Veja abaixo, em inglês, o trecho da entrevista em que Rihanna fala sobre Chris Brown.

Continua após a publicidade
Publicidade