Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Produtora de Harvey Weinstein é vendida por US$ 289 milhões

Empresa entrou em falência depois que o americano foi acusado de assédio e abuso sexual por dezenas de mulheres

Por AFP Atualizado em 30 jul 2020, 20h15 - Publicado em 16 jul 2018, 21h26

The Weinstein Company, o estúdio de cinema cofundado por Harvey Weinstein que entrou em falência após as dezenas de acusações de assédio e abuso sexual contra o produtor, ficou nesta segunda-feira oficialmente sob o controle do fundo de investimentos Lantern Capital. A empresa foi vendida por 289 milhões de dólares.

Depois de que foram fechados os últimos detalhes na semana passada, a operação foi validada nesta segunda-feira por um juiz do tribunal de falências do estado de Delaware, Estados Unidos.

O conselho de administração do estúdio de Nova York, fundado por Harvey Weinstein e seu irmão Bob em 2005, confirmou na quinta-feira a renúncia de quatro de seus cinco membros – incluindo Bob, o então presidente – e a saída de vinte funcionários.

Vários nomes de Hollywood como Quentin Tarantino, Meryl Streep e George Clooney chegaram a assinar uma moção para atrasar a venda, argumentando que o estúdio lhes devia dinheiro e que não haviam chegado a nenhum acordo com os compradores. A lista de credores que esperam uma compensação do estúdio inclui também, entre outros, as vítimas dos abusos sexuais de Weinstein.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.