Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Preços de itens assinados por Virgil Abloh disparam nos sites de revenda

Após a morte do estilista, revendedores anunciaram peças raras e colaborações da Off-White com outras marcas

Por André Sollitto Atualizado em 1 dez 2021, 00h04 - Publicado em 1 dez 2021, 08h35

Em 2017, a Nike lançou algumas recriações de modelos clássicos de tênis em parceria com a grife de streetwear Off-White. Um deles, uma versão do emblemático Air Jordan I, era vendido nas lojas por US$ 190. Agora, um par dessa colaboração custa US$ 8.860 nos sites de revenda americanos, um aumento de 4.460%. A disparada dos preços está relacionada à morte do estilista Virgil Abloh, fundador da Off-White e diretor criativo da Louis Vuitton, no último domingo (28).

Enquanto músicos, celebridades e personalidades da moda lamentaram a perda, revendedores inundaram o mercado secundário de itens assinados por Abloh, designer influente que abriu portas na alta costura europeia, tentando aproveitar o momento de comoção para lucrar.

Além das colaborações da Off-White com a Nike e outras marcas de tênis, como a Converse, foram anunciadas peças desenhadas por Abloh à frente da linha masculina da Louis Vuitton. Uma camiseta com referências ao Mágico de Oz e um agasalho com estampa de astronautas, ambas raridades da primeira coleção que ele assinou para a grife francesa, em 2019, são oferecidas por preços entre US$ 1 mil e US$ 2,5 mil, bem acima do valor original.

A revenda de edições limitadas de tênis e peças de roupa por valores inflacionados não é um fenômeno novo. Na realidade, é uma praxe nesse mercado. Já existem até compradores profissionais que garantem os itens no lançamento esperando que eles esgotem nas lojas. Mas o aumento registrado pela morte de Abloh foi algo fora do normal.

Continua após a publicidade

Publicidade