Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Pintura de Francis Bacon é leiloada por US$ 44,9 milhões

Em semana de vendas inflamadas no mercado de arte, 'Figure Writing Reflected in a Mirror' foi um dos pilares de evento na Sotheby's

Por Da Redação 10 Maio 2012, 08h46

Uma pintura do irlandês de origem britânica Francis Bacon, que representa um homem e seu reflexo, foi leiloada nesta quarta-feira por US$ 44,9 milhões (cerca de R$ 88,2 milhões) na casa Sotheby’s em Nova York, em uma semana de vendas inflamadas no luxuoso mercado da arte.

Figure Writing Reflected in a Mirror, de Bacon, cuja venda havia sido estimada entre US$ 30 milhões e US$ 40 milhões, foi um dos pilares do leilão. Também ao preço de US$ 44,9 milhões foi leiloada Sleeping Girl, uma obra do lendário ícone da arte pop, o americano Roy Lichtenstein.

A sessão de quarta-feira alcançou um total de US$ 266,6 milhões (aproximadamente R$ 524 milhões), segundo a Sotheby’s.

Na semana passada, uma das versões de O Grito, do norueguês Edvard Munch, tornou-se o quadro mais caro já arrematado em leilão na história. A tela, datada de 1895, foi vendida por US$ 120 milhões (R$ 235,8 milhões), também na galeria Sotheby’s.

O valor de O Grito quebrou o recorde de US$ 106,5 milhões (R$ 209,3 milhões), alcançado por Nude, Green Leaves and Bust, de Pablo Picasso, em leilão realizado em 2010. As duas obras, porém, representam apenas a metade do valor do quadro mais caro já vendido – US$ 250 milhões (cerca de R$ 491 milhões) na tela The Card Players, de Paul Cezanne, adquirida pela família real do Qatar em fevereiro deste ano.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade