Clique e assine a partir de 8,90/mês

Pai de Beyoncé quer novo álbum e filme do Destiny’s Child

Mathew Knowles, empresário do grupo, mostrou otimismo ao falar sobre os novos projetos do trio, os quais ele espera lançar dentro de 'dois e três anos'

Por Da Redação - 22 set 2015, 18h30

O trio Destiny’s Child deve lançar um álbum e fazer uma turnê dentro de três anos — ou ao menos é isso o que espera o empresário Mathew Knowles, pai de Beyoncé, que fez parte do grupo ao lado de Kelly Rowland e Michelle Williams. Em entrevista ao site Huffington Post nesta segunda-feira, ele mostrou otimismo ao falar sobre seus projetos para o grupo, ainda que não tenha estipulado uma data exata para os lançamentos: “Eu estou extremamente confiante em que as garotas irão voltar com um álbum e uma turnê”.

LEIA TAMBÉM:

Após dois anos, Beyoncé se reúne com o Destiny’s Child

Beyoncé e Destiny’s Child lançam música gospel; ouça

Destiny’s Child, de Beyoncé, retorna e lança música

Continua após a publicidade

Enquanto o retorno do Destiny’s Child ganha forças com os comentários do pai de Beyoncé, uma cinebiografia e uma biografia sobre o grupo estão próximos de se tornarem reais. “Meu segundo livro será uma biografia do Destiny’s Child. Estou conversando com gente do cinema e da televisão sobre um filme ou uma série sobre elas”, disse Knowles.

No ano passado, uma troca de e-mails entre Knowles e a Sony revelou que ele ofereceu à empresa uma cinebiografia sobre o trio. Depois, em entrevista dada ao jornal Wall Street Journal em maio último, Knowles falou que o filme mostraria o início do sucesso das integrantes, quando elas tinham entre 9 e 10 anos e moravam em Houston, Estados Unidos.

Apesar de ainda ser empresário do Destiny’s Child, Knowles deixou de cuidar da carreira de Kelly e Michelle individualmente, Em 2011, foi a vez de sua filha tirar o pai do cargo e colocar no lugar o marido, rapper e produtor Jay-Z .

O grupo foi criado no início dos anos 1990 e ganhou fama com os hits Survivor e Bills, Bills, Bills. Em 2001, cada cantora lançou seu projeto solo, mas Beyoncé foi a que mais se destacou, e o trio suspendeu sua agenda. Três anos depois, elas retornaram com o CD Destiny Fulfilled, e realizaram turnê de despedida no ano seguinte. Desde então, elas se reúnem esporadicamente, como na final do futebol americano de 2013 e em março, quando elas cantaram no Stellar Gospel Music Awards, prêmio americano de música gospel.

(Da redação)

Continua após a publicidade
Publicidade