Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Oscar 2018: Relembre, resenha a resenha, os principais indicados

Com apresentação de Jimmy Kimmel, premiação acontece neste domingo no Teatro Dolby, em Los Angeles

Por Redação Atualizado em 4 mar 2018, 20h41 - Publicado em 2 mar 2018, 09h20

A cerimônia de entrega das estatuetas do Oscar acontece neste domingo, a partir das 22 horas no horário de Brasília. A 90ª edição da festa será transmitida diretamente do Teatro Dolby em Los Angeles, com a apresentação de Jimmy Kimmel. Para esquentar o clima da premiação e ajudá-lo a participar do bolão da firma, VEJA reúne aqui as resenhas dos principais indicados assinados pela crítica Isabela Boscov. Acompanhe a cobertura do Oscar ao vivo na Veja.com.

  • A Forma da Água

    Sally Hawkins como Elisa, em ‘A Forma da Água’ IMDb/Reprodução

    Ganhador nas categorias de melhor diretor e melhor trilha-sonora no Globo de Ouro, o novo filme de Guilhermo del Toro lidera as indicações ao Oscar, concorrendo a treze estatuetas, incluindo as de melhor filme, direção, atriz e roteiro original.

    A trama, que se passa nos anos 1960, narra a história de Elisa (Sally Hawkins), a zeladora muda de um laboratório secreto, que se apaixona por uma criatura aquática mantida em cativeiro no local. Para resgatar o amado, a mulher monta um plano arriscado com a ajuda da colega de trabalho vivida por Octavia Spencer e do amigo interpretado por Richard Jenkins

  •  

    Corra!

    Cena do filme ‘Corra!’ Reprodução/Divulgação

    Depois de estrear em maio no Brasil, o thriller psicológico de Jordan Peele seguiu entre os favoritos de 2017 e recebeu quatro indicações ao Oscar, entre elas a de melhor filme. Apesar do sucesso de crítica, o longa não levou nenhuma estatueta no Globo de Ouro e no Bafta, considerado o Oscar do cinema britânico.

    A produção conta a história do jovem negro vivido por Daniel Kaluuya, que sai em viagem para conhecer a família da namorada branca, interpretada por Allison Williams. Ao longo da estadia, ele percebe que há elementos perturbadores entre os integrantes da família. 

  • O Destino de uma Nação

    Gary Oldman como Winston Churchill em 'O Destino de uma Nação'
    Gary Oldman como Winston Churchill em ‘O Destino de uma Nação’ Reprodução/Divulgação

    Estrelado por Gary Oldman (ganhador do Globo de Ouro de melhor ator de filme de drama), o longa dirigido por Joe Wright mostra o cenário em que Winston Churchill assumiu o cargo de primeiro ministro da Grã-Bretanha ao mesmo tempo em que se negociava um acordo com a Alemanha nazista. 

    A produção está concorre em seis categorias ao Oscar, incluindo as de melhor filme, ator e fotografia.

  • Dunkirk

    Top 20/2017
    Cena do filme ‘Dunkirk’ Warner/Divulgação

    Escrito e dirigido por Christopher Nolan, o longa conta a história baseada em fatos reais de soldados belgas, britânicos e  franceses que ficaram cercados pelo Exército alemão em uma praia de Dunquerque, na França. A produção recebeu oito indicações ao Oscar, incluindo a de melhor filme. Nolan ainda foi indicado pela primeira vez ao prêmio da Academia.

  • Lady Bird: É Hora de Voar

    Cena do filme ‘Lady Bird: É Hora de Voar’ Reprodução/Divulgação

    A estreia de Greta Gerwig na direção rendeu um filme sobre o amadurecimento de uma menina californiana de 17 anos. Essa espécie de romance de formação acompanha Lady Bird, a personagem-título, em seu último ano do ensino médio. O longa recebeu cinco indicações ao Oscar. Além disso, a produção foi ganhadora de dois Globos de Ouro, incluindo o de melhor filme de comédia ou musical. A protagonista, Saoirse Ronan disputa a estatueta de melhor atriz.

    Continua após a publicidade
  • Me Chame pelo Seu Nome

    Os atores Armie Hammer e Timothée Chalamet em cena do filme ‘Me Chame Pelo Seu Nome’ //Divulgação

    Com produção do brasileiro Rodrigo Teixeira, Me Chame Pelo Seu Nome conta a história do romance entre um menino de 17 anos (Timothée Chalamete o pesquisador-assistente de seu pai (Armie Hammerdurante o verão italiano de 1983. Adaptação do livro homônimo de André Aciman, o longa de Luca Guadagnino recebeu quatro indicações.

  • The Post: A Guerra Secreta

    Cena do filme ‘The Post: A Guerra Secreta’ //Divulgação

    O filme de Steven Spielberg narra o episódio real de uma equipe de jornalistas do Washington Post que expôs segredos do governo americano sobre a Guerra do Vietnã. Meryl Streep interpreta Katharine Graham, a primeira mulher americana a coordenar um grande jornal. O longa concorre em duas categorias no Oscar, incluindo o de melhor atriz.

  • Trama Fantasma

    Trama Fantasma
    Cena do filme ‘Trama Fantasma’ Universal/Divulgação

    O filme de Paul Thomas Anderson pode ser a despedida de Daniel Day-Lewis do cinema. O ator, que já anunciou sua aposentadoria, interpreta um egocêntrico estilista dos anos 1950, que encontra na jovem garçonete Alma (Vicky Krieps) uma nova musa inspiradora. A relação tortuosa do casal concorre a cinco categorias, incluindo as melhor filme, ator e atriz coadjuvante.

  • Três Anúncios para um Crime

    Três Anúncios para um Crime
    Cena do filme “Três Anúncios para um Crime” Fox/Divulgação

    Frances McDormand vive a protagonista do longa de Martin McDonagh, que se passa em uma pequena cidade no Missouri, chamada Ebbing. O longa traz uma mãe em busca de justiça, após a filha ser estuprada e morta. Ganhador de melhor filme de drama no Globo de Ouro, o longa concorre a sete categorias no Oscar.

  • Eu, Tonya

    Eu, Tonya
    Cena do filme “Eu, Tonya” Califórnia/Divulgação

    A história real da vida da patinadora americana Tonya Harding foi adaptada para o longa estrelado por Margot Robbie, que concorre ao Oscar de melhor atriz. Fora da categoria de melhor filme, a produção está na disputa por outras duas estatuetas: melhor atriz coadjuvante (Allison Janney) e melhor montagem. 

  • Mudbound: Lágrimas sobre o Mississippi

    Mudbound - Lágrimas Sobre o Mississippi
    Cena do filme “Mudbound: Lágrimas Sobre o Mississippi” Diamond/Divulgação

    Depois de se casar com Henry McAllan (Jason Clarke), a tímida Laura (Carey Mulliganse muda com a família para uma fazenda no Mississippi. No local, os McAllan criam uma relação eivada de conflitos com os Jackson, uma família negra, responsável pelo plantio da terra. A adaptação do romance de mesmo nome da americana Hillary Jordan concorre em quatro categorias no Oscar.

  • Todo Dinheiro no Mundo

    Todo o Dinheiro do Mundo
    Cena do filme “Todo o Dinheiro do Mundo” Diamond/Divulgação

    Após ter o neto favorito sequestrado, o magnata do petróleo J. Paul Getty dá início a uma longa investigação para evitar qualquer pagamento aos criminosos. Getty foi primeiramente representado por Kevin Spacey na produção. Após acusações de assédio sexual, porém, o ator teve a suas cenas apagadas e foi substituído por Christopher Plummer. A mudança no longa de Ridley Scott ainda garantiu a Plummer a única indicação do filme ao Oscar, na categoria de ator coadjuvante.

  • Logan

    Hugh Jackman e Patrick Stewart no filme ‘Logan’ Reprodução/

    A única indicação de Logan no Oscar, como melhor roteiro adaptado, quebrou recorde, por tornar Wolverine o primeiro quadrinho de super-herói a ser indicado na categoria. No longa, o protagonista vivido por Hugh Jackman se vê na missão de proteger a pequena Laura Kinney (Dafne Keen), conhecida como X-23. A trama se passa em um futuro próximo, momento em que os novos mutantes estão sendo transformados em verdadeiros assassinos. 

  • O Artista do Desastre

    Artista do Desastre
    Cena do filme “Artista do Desastre” Warner/Divulgação

    Protagonizado e dirigido por James Franco, o longa conta a história da produção de The Room, considerado um dos piores filmes já feitos em Hollywood. O filme é uma adaptação do livro de mesmo nome escrito pelo ator Greg Sestero e Tom Bissell em 2013 e concorre na categoria de melhor roteiro adaptado.

  •  

    Continua após a publicidade
    Publicidade