Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Obra de Dalí é vendida por 21 milhões de dólares

Por Da Redação 10 fev 2011, 22h29

Em leilão promovido pela casa Sotheby’s, em Londres, o quadro O Retrato de Paul Eluard tornou-se a obra mais valorizadado do pintor espanhol Salvador Dalí.

A tela, de 1929, avaliada em cinco milhões de libras, foi arrematada por telefone por um comprador anônimo por 13,48 milhões de libras, o equivalente a 21,68 milhões de dólares. A soma não tem precedentes em leilão de uma obra surrealista.

O novo recorde triplicou o estabelecido na véspera na casa Christie’s por um dos primeiros trabalhos de Dalí (1904-1989), o Estudio para La miel es Más Dulce que la Sangre, executado entre 1926 e 1927, vendido a 4,07 milhões de libras, ou 6,5 milhões de dólares.

O Retrato de Paul Eluard, descrito pela Sotheby’s como “obra-prima do surrealismo e da arte do século XX”, une duas figuras emblemáticas do movimento, Dalí e o poeta francês que dá nome ao quadro.

A tela foi pintada por Dalí durante o verão em que o francês passou na cidade catalã de Cadaqués com sua mulher Gala.

(Com Agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade