Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês

Novo ’50 Tons’ é roubado antes de sua publicação

Original de 'Grey' desapareceu dias antes do lançamento, marcado para 18 de junho; livro conta o caso de Anastasia Steele e Christian Grey do ponto de vista do galã sadomasoquista

Por Da Redação 10 jun 2015, 09h58

E.L. James, a autora de Cinquenta Tons de Cinza, anunciou na semana passada que a sua série best-seller teria mais um livro: Grey, um volume que repassaria a história do casal Anastasia Steele e Christian Grey pelo olhar do galã sadomasoquista. O volume estaria disponível para leitores americanos e britânicos já na semana que vem, em 18 de junho, mas pode estar ao alcance dos fãs ainda antes, já que o original da publicação desapareceu, segundo o jornal britânico Daily Mail.

LEIA TAMBÉM:

Livro narrado por Christian Grey também pode virar filme

Tom de suspense domina teaser de ’50 Tons Mais Escuros’

E.L. James escolhe marido como roteirista do próximo ‘Cinquenta Tons de Cinza’

Continua após a publicidade

O original foi dado como perdido na manhã desta terça-feira e há o temor que ele seja pirateado ou que trechos dele sejam vendidos para meios de comunicação. Procurada pelo Daily Mail, a Penguin Random House, editora do selo Vintage, responsável pela obra, se absteve de comentar o desaparecimento, não dizendo, por exemplo, como se deu o sumiço do livro. A única informação dada pela editora é de que “há uma investigação policial em curso”. A autora da série, E.L. James, também não se pronunciou.

O caso remete ao que ocorreu com Stephenie Meyer, escritora de Crepúsculo. Em 2008, ela planejava reescrever a trama dos vampiros adolescentes, mas sob a perspectiva de Edward Cullen, namorado de Bella – Kristen Stewart na versão cinematográfica. Entretanto, parte do rascunho foi roubado e divulgado na internet, e Stephenie parou de escrevê-lo.

Em 2007, o último livro de Harry Potter também vazou: ele estava disponível para download dias antes do seu lançamento oficial, apesar do forte esquema de segurança montado em torno dele. Antes, em 2003, próximo ao lançamento de Harry Potter e a Ordem da Fênix, o motorista do caminhão que transportava a publicação roubou páginas do livro e tentou vendê-las, sem sucesso, ao jornal The Sun.

É possível que Grey se torne mais um episódio da franquia cinematográfica de Cinquenta Tons de Cinza, apesar de os protagonistas do original, Dakota Johnson (Anastasia Steele) e Jamie Dornar (Grey), não terem assinado contrato para realizarem o spin-off.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)