Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

‘Mulheres Ricas’, quem diria, economizam nas pérolas

Por Da Redação 11 fev 2013, 23h13

Deve ser a ressaca da segunda-feira de Carnaval. Ou a inércia de uma temporada que, de modo geral, tem deixado a desejar. De um jeito ou de outro, o capítulo desta segunda-feira do reality show Mulheres Ricas, da Band, teve poucas pérolas e nenhum grande momento. Enquanto o programa mostrava a empresária Cozete Alves em viagem a Paris, trazia cenas da perua Val Marchiori falando mal da paulista à cantora country Aeileen e da socialite carioca Narcisa circulando por São Paulo, onde mais tarde todas se reuniriam na festa de aniversário de Cozete. Quase nada fazia rir nesse rolê todo. O episódio ainda teria Andréa Nóbrega aprendendo a cozinhar com ajuda de Palmirinha, mas, para azar da cozinheira que é uma querida da televisão, a cena foi a mais sem graça de todas.

Confira abaixo as melhores frases do capítulo desta segunda de Mulheres Ricas:

Cozete em Paris

“Eu já comprei um Cartier em Lisboa, mas não tem como sair daqui sem levar um Cartier, também.”

“Eu não faço conta, não fico guardando os tiquetezinhos de compra. Mas em dois ou três dias deve ter gastado uns doze mil euros. Eu trabalho para isso.”

Narcisa, em São Paulo

“Ai, que balado. Ai, que loucura. Eike Batista”

Val Marchiori

“Chamei a Aeileen para passar o dia comigo, para ter um dia de Val porque, coitada, ela vivia mal assessorada. Vivia com as Cossete da vida, ai, hello, não sabe o que é bom, né”

“Ela apareceu com uma bolsa Louis Vuitton velha. Coitada, é muito novinha ainda, tem muito o que aprender”

“Que nunca nos falte o supérfluo”

Continua após a publicidade

(ao brindar)

“A Aeileen tem de emagrecer, fazer uma lipo de cada lado, colocar um silicone, que o peito dela é feio”

Narcisa, em São Paulo

“Ai, que balado. Ai, que loucura. Eike Batista”

Aileen, levada por Val a um salão de beleza

“Acho que o cara estava acostumado a fazer cabelo de velha, porque eu saí de lá com o cabelo todo duro, parecendo a Val”

Narcisa, em São Paulo

“Ai, que balado. Ai, que loucura. Eike Batista”

Palmirinha, para a péssima cozinheira Andréa

“Você tem tudo na cozinha, só não tem você”

Narcisa, em São Paulo

“Ai, que balado. Ai, que loucura. Eike Batista”

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês