Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

MP quer tirar do YouTube clipe de funk com garoto de 12 anos

Órgão verificou que ‘Vem e Brota Aqui na Base’, do MC Doguinha, faz apologia a práticas erótico-sexuais

Por Da redação 9 nov 2017, 16h27

O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) instaurou inquérito civil para tentar retirar do YouTube um clipe do funk Vem e Brota Aqui na Base, do MC Doguinha, de 12 anos. A 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva da Criança e do Adolescente da Capital analisou o vídeo e verificou que a canção e as imagens fazem apologia a práticas erótico-sexuais.

  • Segundo o MPRJ, a conduta vulnera os princípios da proteção integral da criança e do adolescente e da finalidade social da internet. O órgão expediu ofício à Legenda e Funk, página que publicou o vídeo no YouTube, e à Google Brasil para remover o clipe em até trinta dias. O MPRJ também enviou cópia dos documentos às Promotorias de Infância e Juventude de Duque de Caxias, onde mora MC Doguinha, cujo nome verdadeiro é Douglas, para que protejam o menor.

    No vídeo, o menino aparece sem camisa e interage com uma garota, aparentemente mais velha, em uma piscina. A letra do funk diz: “A novinha linda, que mora aqui do lado/Tá cheia de papim no whatsapp/Bumbum gostosão, corpo sedutor/Foi por isso que o Doguinha se encantou/Vem e brota aqui na base/Vamos fazer sacanagem/Sei que você tem vontade/Então senta um pouquinho”.

    Publicidade