Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Morre Niltinho ‘Tristeza’, autor de grandes clássicos do Carnaval

Músico compôs 'Tristeza' e 'Liberdade! Liberdade! Abra as Asas Sobre Nós', esta última o samba-enredo campeão da escola Imperatriz Leopoldinense em 1989

Por Estadão Conteúdo 10 fev 2018, 18h51

O cantor e compositor Niltinho Tristeza, morreu na tarde deste sábado, no Rio de Janeiro. Ele é autor dos clássicos Tristeza e Liberdade! Liberdade! Abra as Asas Sobre Nós, esta última o samba-enredo campeão da escola Imperatriz Leopoldinense em 1989. O músico lutava contra um câncer de pulmão.

  • Seu maior samba, Tristeza, é de 1963. O sucesso só veio três anos mais tarde, quando a música composta em parceria com Haroldo Lobo  passou a tocar nas rádios. No carnaval de 1966, Ari Cordovil gravou-a e imortalizou seus versos: “Tristeza, por favor vá embora / minha alma que chora…” O mesmo samba ganharia mais de 210 versões e regravações no país e no exterior.

    A grande repercussão dos dois sambas mudou a vida do compositor. Liberdade foi usada pela Rede Globo como tema de abertura da novela Lado a Lado, exibida entre 2012 e 2013.

    Publicidade