Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Michael Kors oficializa compra da Versace por 1,83 bilhão de euros

'A aquisição da Versace é uma etapa importante para o nosso grupo', disse o diretor executivo da Michael Kors, John Idol

Por AFP Atualizado em 25 set 2018, 10h52 - Publicado em 25 set 2018, 10h43

O grupo de moda americano Michael Kors oficializou nesta terça-feira a compra da grife italiana Versace, avaliada em 1,83 bilhões de euros, confirmando informações publicadas na véspera pela imprensa italiana.

“A aquisição da Versace é uma etapa importante para o nosso grupo e, com nossos recursos, acreditamos que a Versace crescerá para ultrapassar 2 bilhões de dólares em faturamento” ao ano, disse o diretor executivo da Michael Kors, John Idol, em um comunicado.

“É um momento muito motivador para a Versace, estou orgulhosa de que a marca continua sendo muito poderosa na moda e na cultura moderna”, disse Donatella Versace, diretora artística e vice-presidente do grupo que agora faz parte da Michael Kors.

Fundada em 1978 pelo designer Gianni Versace e seu irmão Santo, a Versace é um ícone da moda italiana com coleções de luxo e muito ousada.

Após o assassinato de Gianni em 1997, a marca passou por anos difíceis e recuperou seu prestígio graças a uma forte reorganização interna e ao talento de sua irmã, Donatella.

As vendas do grupo cresceram entre 2009 e 2016, passando de 268 milhões de euros para 668,7 milhões antes de estagnar em 2017.

Michael Kors é uma marca de renome nos Estados Unidos e tem muitos seguidores entre celebridades como Michelle Obama, Catherine Zeta-Jones ou Nicole Kidman.

O grupo foi criado em 1981 por Michael Kors, 59 anos, que ainda é seu diretor criativo.

Continua após a publicidade

Publicidade