Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

‘Melhor dia de nossas vidas’, diz Alok sobre nascimento do filho Ravi

Primeiro filho do músico com Romana Novais nasceu às 8h20 da manhã desta sexta-feira 10, por meio de um parto natural humanizado

Por Amanda Capuano 10 jan 2020, 12h35

O DJ Alok anunciou nas redes sociais o nascimento de seu primeiro filho com a médica Romana Novais na manhã desta sexta-feira, 10. A informação foi confirmada a VEJA pela assessoria do cantor.

“Ravi nasceu de parto normal humanizado às 8h20. As contrações se iniciaram de madrugada. Mãe e filho passam bem e Ravi já está mamando no peito”, diz o comunicado.

Em seu perfil no Instagram, Alok informou que o bebê nasceu pela manhã depois de uma madrugada em claro e descreveu o dia como o mais feliz da vida do casal.

“O dia mais feliz e intenso de nossas vida. Difícil explicar em palavras”, escreveu o DJ.

View this post on Instagram

Bem vindo Ravi! 🌈👶🏻 O dia mais feliz e intenso de nossas vidas ❤️❤️❤️ Difícil explicar em palavras. Em breve compartilho mais com todos vocês. Ravi nasceu hoje pela manhã de parto normal humanizado depois de uma madrugada em claro com fortes contrações. Obrigado @ericamantelli e @domingosmantelli e toda a equipe. O que posso dizer agora é que o amor é tão grande que não cabe em mim! Pessoal, eu sempre me entreguei de corpo e alma pra vocês, mas hoje é dia de me doar de corpo e alma para minha esposa e meu filho! Por isso, não vou me apresentar nos shows de Mongaguá e Porto Seguro essa noite. Espero do fundo do meu coração que me compreendam. Vamos remarcar as novas datas ok? Prometo! Amo vocês! 🙏

A post shared by Alok (@alok) on

Continua após a publicidade

Alok ainda usou o post para informar que não iá se apresentar nos shows que faria hoje a noite em Mongaguá e Porto Seguro. Segundo a publicação, as datas serão remarcadas em breve.

“Sempre me entreguei de corpo e alma para vocês, mas hoje é dia de me doar de corpo e alma para minha esposa e meu filho. Espero do fundo do meu coração que me compreendam”, escreveu ele.

Na noite de ontem, Romana fez um relato em seu Instagram sobre as preparações para a chegada do pequeno, e revelou que ainda não sabia como seria o parto, mas que desejava que fosse natural.

“Trinta e oito semanas de muito amor mas também de dúvidas, aprendizado, palpites, ansiedade… e agora só nos resta esperar pela hora Dele e do Ravi. Se vai ser parto normal ou cesárea, não sei, o importante é que seja humano, respeitoso”

“Tenho um desejo, que o Ravi nasça de um parto normal, tenho me preparado para isso, mas caso não aconteça, está tudo bem também. Não vou ser menos mãe por conta disso. Não se culpe, não se cobre tanto”, continuou ela.

A médica ainda escreveu sobre a pressão exercida sobre as mulheres: “Sinto que a maternidade virou um centro de competição em que as mães se sentem pressionadas a seguir um padrão… E esse foi um dos motivos que me fizeram optar por não escutar muito além dos meus médicos e da minha rede de apoio”, revelou.

https://www.instagram.com/p/B7Hrt-sn7cM/?utm_source=ig_embed

Ramona ainda deixou um recado para as futuras mãe: “Não se sinta menos mãe porque teve um parto cesárea. Não se sinta menos mãe porque você pediu anestesia na hora do parto… Aliás, não pedir não é motivo de alimentar o seu ego perante outras mulheres. Sem competições, nesse momento o que precisamos é de apoio.”

Continua após a publicidade
Publicidade