Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Mel Gibson formaliza divórcio milionário de casamento que durou 31 anos

Por Da Redação
24 dez 2011, 16h40

Washington, 24 dez (EFE).- O ator Mel Gibson já está formalmente divorciado de Robyn Moore, sua esposa durante 31 anos, mãe de sete de seus filhos e que receberá a metade do patrimônio acumulado por ele, avaliado em cerca de US$ 1 bilhão, informou a imprensa americana neste sábado.

O divórcio foi formalizado na sexta-feira em uma corte de Los Angeles, embora o casal já estivesse separado desde 2006. Mel Gibson, de 55 anos, e Robyn se casaram em 1980, antes que ele alcançasse popularidade e fortuna.

Por não existir um acordo pré-matrimonial, o rompimento representa a divisão em partes iguais do patrimônio acumulado pelo ator, conforme previsto pela lei da Califórnia.

A fortuna do artista, diretor e produtor de filmes como ‘A Paixão de Cristo’ (2004) e ‘Apocalypto’ (2006), se aproxima de US$ 1 bilhão, equivalente às receitas obtidas com seu trabalho e às propriedades que possui. Por isso, o divórcio é considerado o mais caro na história de Hollywood, segundo a revista ‘People’.

O casal se separou após Gibson ter sido detido em 2006 por dirigir embriagado. Na época, sua então esposa alegou ‘diferenças irreconciliáveis’ como motivo para a decisão de se separar.

Continua após a publicidade

Após se separar, o vencedor de um Oscar por ‘Coração Valente’, que nasceu nos Estados Unidos, mas se mudou para a Austrália aos 12 anos, teve uma relação com a russa Oksana Grigorieva, mãe de Lucía, sua filha mais nova.

Oksana denunciou uma suposta agressão de Gibson em janeiro de 2010. O ator admitiu ter dado um tapa na pianista e compositora para evitar que ela machucasse a filha durante uma discussão.

Após meses de litígio nos tribunais, em agosto passado, ambos chegaram a um acordo para ter a custódia compartilhada da menina e que Oksana receberá US$ 750 mil durante os próximos cinco anos.

Em 2010, em meio aos problemas entre Gibson e a pianista, Robyn saiu em defesa do ator e garantiu que não sofreu nenhum tipo de agressão enquanto viveu com ele. EFE

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.