Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Mangueira vence o Estandarte de Ouro do Carnaval 2019

Com enredo sobre heróis esquecidos pela história oficial, escola levou o tradicional prêmio do jornal 'O Globo'

Por Redação 6 mar 2019, 08h50

A Estação Primeira de Mangueira venceu o tradicional prêmio Estandarte de Ouro do Carnaval 2019. A láurea é concedida desde 1972 pelo jornal O Globo à melhor escola dos desfiles do Rio de Janeiro, na avaliação dos críticos da publicação. O prêmio costuma indicar os favoritos ao título do Carnaval. A escola campeã do Rio será anunciada na tarde desta quarta-feira, 6. 

A Mangueira desfilou na noite de segunda-feira e trouxe um enredo questionando os heróis oficiais do Brasil, como Dom Pedro I e Princesa Isabel, e exaltando figuras esquecidas pela história do país. A vereadora Marielle Franco (PSOL-RJ), assassinada há um ano, foi homenageada.  

Além do prêmio de melhor escola, a Mangueira também foi eleita como dona do melhor samba-enredo e melhor porta-bandeira. A bateria da Grande Rio e a comissão de frente da Portela também foram premiadas.

  • Confira a lista de vencedores do Estandarte de Ouro:

    Melhor Escola: Mangueira

    Melhor Samba-Enredo: Mangueira, com História pra ninar gente grande

    Melhor Enredo: Paraíso do Tuiuti, com O Salvador da Pátria

    Passista Masculino: Vila Isabel, com Hudson Gaspar

    Passista Feminino: Bellinha Delfim, do Salgueiro

    Continua após a publicidade

    Comissão de Frente: Portela

    Melhor Ala: Paraíso do Tuiuti, com O bode picando a mula do Sertão

    Inovação: Grande Rio, com emojis voando na comissão de frente

    Melhor mestre-sala: Phelipe Lemos, da União da Ilha

    Melhor porta-bandeira: Squel Jorgea, da Mangueira

    Personalidade do Ano : Mocidade, com Tia Nilda

    Puxador: Portela, com Gilsinho

    Baianas: Salgueiro

    Revelação:  Vila Isabel, com Mestre Macaco Branco, mestre de bateria

    Continua após a publicidade
    Publicidade