Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Mães reclamam de boneco de ‘Breaking Bad’

Em seu Twitter, o ator Bryan Cranston faz piada sobre pedido para que brinquedos da série sejam retirados das lojas

Por Da Redação 22 out 2014, 12h37

A série Breaking Bad, que narra a trajetória de Walter White (Bryan Cranston), um professor de química em uma escola pública que se transforma em chefe do tráfico de drogas, talvez não seja a mais recomendada para crianças. Partindo desse princípio, um grupo de mães da Flórida, nos Estados Unidos, criou uma petição para proibir a venda de bonecos do personagem, lançados pela marca Toys ‘R Us.

Em resposta através de seu perfil no Twitter, Cranston ironizou a situação. “Estou tão bravo que eu vou queimar meus bonecos das mães da Flórida em forma de protesto”, escreveu. A petição foi criada no site Change.org na última semana e acumula até o momento 9 300 assinaturas, número suficiente para que os bonecos fossem retirados das prateleiras. “Toys ‘R Us é conhecida em todo o mundo pela sua vasta linha de brinquedos para todas as idades. No entanto, a decisão de vender bonecos de Breaking Bad, com sacos de dinheiro e pacotes com metanfetamina, ao lado de outros produtos infantis é perigoso para as crianças”, diz o abaixo-assinado.

Leia também:

Protagonistas de ‘Breaking Bad’ apostam no sobrenatural

Aaron Paul, de ‘Breaking Bad’, sente saudade de Jesse Pinkman

Em comunicado, a empresa alegou que a linha de bonecos é limitada e a embalagem explica claramente que o produto é destinado a jovens acima de 15 anos, além de ficar estocado em uma área da loja destinada a adultos. Mesmo assim, os brinquedos tiveram que ser retirados de circulação. Ao site E! News, um representante afirmou que os produtos passarão por um “período sabático indefinido”.

“Florida mom petitions against Toys ‘R Us over Breaking Bad action figures.” I’m so mad, I’m burning my Florida Mom action figure in protest

– Bryan Cranston (@BryanCranston) October 20, 2014

Continua após a publicidade
Publicidade