Clique e assine a partir de 9,90/mês

Globo exibe The Voice Kids, mas oculta Victor, acusado de agressão

Emissora diz que integrante da dupla “Victor & Léo”, pediu afastamento, mas que decidiu exibir programas que estavam agravados; edição não mostra o cantor

Por Da Redação - Atualizado em 26 fev 2017, 14h43 - Publicado em 26 fev 2017, 13h49

O cantor Victor, da dupla Victor & Léo, acusado de agressão contra a mulher grávida, pediu para se afastar do programa The Voice Kids, da TV Globo, mas a emissora decidiu exibir os programas que já estavam gravados, o primeiro deles apresentado na tarde deste domingo. O músico sertanejo é um dos técnicos da atração (que orientam e julgam as crianças cantoras), ao lado de Ivete Sangalo e Carlinhos Brown.

Em nota lida pelo apresentador André Marques antes de o programa começar, a emissora diz que “esta semana aconteceu um fato importante envolvendo um dos técnicos do nosso programa”, “uma acusação bastante grave de violência doméstica”. “A Globo repudia toda e qualquer forma de violência e acredita que essa acusação precisa ser apurada com rigor, garantindo o direito de defesa, na busca da verdade”.

Segundo ainda a nota, “Victor nos procurou informando que iria se afastar do programa para se dedicar totalmente a esse caso”. “No entanto, você que acompanha o nosso The Voice Kids sabe que estamos em um momento muito especial da disputa das crianças. Como nosso programa de hoje e da semana que vem já estavam gravados, em respeito a essas crianças que se esforçaram tanto para chegar até aqui nas batalhas, decidimos manter o programa como ele foi gravado.”

A TV Globo, no entanto, editou o programa para impedir que Victor aparecesse com destaque. Além do comunicado lido antes da atração por André Marques, a emissora gravou cenas adicionais com Léo, que foi o único a se pronunciar em nome da dupla, como no momento de dizer em qual candidato a dupla votaria. Victor só apareceu bem à distância, de costas ou de lado na poltrona, quando as câmeras faziam uma tomada aberta do local da produção.

Continua após a publicidade

A emissora afirmou, ainda, que “o jornalismo da Globo vai acompanhar o desenrolar desse caso para que você saiba tudo o que está acontecendo”.

O caso

Segundo a polícia mineira, Poliana relatou que foi jogada no chão pelo companheiro, que depois desferiu diversos chutes nela. Ao tentar sair do apartamento, ela teria sido impedida por um segurança e pela irmã do cantor. Ainda de acordo com a polícia, ela teria conseguido sair do apartamento somente quando uma vizinha, que ouviu os gritos, acionou o elevador.

A empresária ainda teria recebido diversas ameaças da família do cantor após deixar o prédio. No sábado, ela foi até o Instituto Médico Legal (IML) de Belo Horizonte para realizar o exame de corpo de delito. Segundo informações da Polícia Civil, a mãe do cantor, Marisa Chaves, registrou um boletim de ocorrência contra Poliana logo depois – a polícia não revelou o teor da queixa. Os próximos passos da polícia serão ouvir as testemunhas e acessar as imagens do circuito de segurança do prédio.

Continua após a publicidade

 

Continua após a publicidade

Victor não comentou o caso até agora.

Veja o vídeo com o comunicado lido por André Marques.

 

Continua após a publicidade

Publicidade