Clique e Assine por apenas R$ 0,50/dia

Família de Rihanna torce para ela reatar com Chris Brown, seu agressor

Relacionamento terminou deopis de o rapper ser condenado a prestar serviços comunitários por violência doméstica

Por Da Redação 11 set 2011, 16h15

Se depender da família da cantora Rihanna, a agressão física sofrida por ela após uma briga com Chris Brown, seu ex-namorado, não irá passar de uma fase turbulenta entre o casal, que está separado desde o incidente, há dois anos. Em entrevista à revista The Enquirer, uma prima da cantora defendeu a reconciliação. “Ele cometeu um erro, mas acredito que ainda a ame de verdade”.

Rihanna vem ao Brasil no próximo sábado para apresentar o show da turnê The Loud Tour no Arena Anhembi, em São Paulo. A cantora se apresenta também dia 18, no Mineirinho, em Belo Horizonte, e no dia 21, no ginásio Nilson Nelson, em Brasília. Rihanna também canta no primeiro dia do Rock in Rio, no dia 23. Na mesma noite, sobem ao palco Claudia Leitte, Katy Perry e Elton John.

O rapper Chris Brown foi condenado a cinco anos de liberdade condicional após agredir Rihanna durante uma briga. Ele ainda cumpriu 180 dias de trabalho comunitário e atendeu a um curso sobre violência doméstica.

Publicidade