Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

Exame toxicológico de mulher que acusou Luc Besson de estupro dá negativo

Acusadora havia dito à polícia que bebeu chá no encontro com o cineasta no Bristol, um dos hotéis mais luxuosos de Paris, e que se sentiu 'mal' e 'ausente'

Por agência France-Presse
28 Maio 2018, 13h18

O exame toxicológico realizado na mulher que acusou o diretor e produtor francês Luc Besson de estuprá-la em um hotel em Paris em meados de maio deu negativo — informou uma fonte ligada à investigação nesta segunda-feira. A acusadora, uma atriz e modelo de 27 anos, apresentou uma queixa no dia seguinte a um encontro com Besson, que imediatamente falou em “acusações fantasiosas”.

Ela havia dito à polícia que bebeu chá durante o encontro com o cineasta no Bristol, um dos hotéis mais luxuosos da capital francesa, e que se sentiu “mal” e “ausente”. No entanto, ela não alegou ter sido drogada, e testes de sangue e capilar foram realizados para verificar todas as hipóteses, de acordo com outra fonte próxima à investigação.

A atriz também contou que mantinha um relacionamento íntimo com o diretor de 59 anos há cerca de dois anos e que se sentia obrigada a isso por causa de suas conexões profissionais, acrescentou a fonte.

Continua após a publicidade

Com esta queixa, o mais internacional dos cineastas franceses, pai de cinco filhos, viu-se atingido pela onda de choque que se espalhou pelo mundo desde a queda do produtor americano Harvey Weinstein em outubro de 2017.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.