Clique e assine com até 92% de desconto

Estilista Hervé Léger morre aos 60 anos

O designer foi o responsável pelo vestido bandage, que foi uma verdadeira febre durante os anos 1990

Por Da redação Atualizado em 6 out 2017, 16h50 - Publicado em 6 out 2017, 13h35

O mundo da moda amanheceu com uma triste notícia nesta sexta-feira, 6. O estilista francês Hervé Léger faleceu nesta quinta-feira. A causa de sua morte ainda não foi revelada. O designer foi o responsável pelo vestido bandage, que foi uma verdadeira febre durante os anos 1990, e se tornou praticamente um uniforme das supermodelos da época.

Herve Leger
Vestido Bandage Herve Leger Herve Leger/Divulgação

A notícia da morte foi dada pela Fédération de la Haute Couture et de la Mode. Segundo a publicação francesa Paris Match, ele teria sido vitimado pelo rompimento de um aneurisma.

Em sua carreira, ele foi assistente de Karl Lagerfeld tanto na Fendi quanto na Chanel e, aos 28 anos, abriu a marca que leva seu nome.

Após vender a Héver Léger para o grupo BCBG Max Azria, o estilista assumiu o seu outro sobrenome, passou a assinar Hervé L. Leroux e lançou uma nova empresa, no começo dos anos 2000.

Ele vestiu celebridades como Cate Blanchett, Penélope Cruz e Jessica Chastain para tapetes vermelhos. Léger também foi diretor criativo da Guy Laroche, entre 2004 e 2006.

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade
Publicidade