Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Continua após publicidade

Disney leva à CCXP suas apostas de animação: ‘Frozen 2’ e ‘Dois Irmãos’

A sequência da saga de Anna e Elsa teve pré-estreia durante o evento, e foi aplaudido de pé pelo público

Por Mabi Barros Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 7 dez 2019, 14h44 - Publicado em 7 dez 2019, 14h41

O público da Comic Con Experience (CCXP) degustou, em primeira mão, o filme Frozen 2: De Volta a Arandelle na manhã deste sábado, 7, apresentada por  Fábio Porchat, que, no Brasil, dubla o personagem Olaf. A animação arrancou aplausos de um lotado auditório Cinemark — o maior da feira — que, em seguida, acompanhou uma conversa com o diretor do longa, Chris Buck, e o produtor, Peter Del Vecho.

“Não esperávamos tamanho sucesso”, comentou Del Vecho, sobre Frozen, animação vencedora do Oscar lançada, mo Brasil, em 2014. Sabíamos que tínhamos um bom filme, mas não imaginávamos que ele teria tanta repercussão.” Ele garante, no entanto, que a pressão para uma sequência foi mantida fora da sala de criação. Buck completa a ideia de uma sequência para Frozen veio antes do sucesso do filme. “Anna tem perfil de liderança. Já Elsa, funciona como uma protetora. Sabíamos onde cada uma deveria terminar, só precisamos fazer acontecer.”

Frozen ganhou notoriedade, principalmente, por explorar a saga de duas irmãs, não de um casal, permeando assuntos como empoderamento feminino. Questionado sobre a importância da sororidade no filme, o diretor revelou que, nos primeiros esboços, não imaginou Anna e Elsa como irmãs. “Eram ambas mulheres fortes e independentes, a Elsa com um quê vilanesco. Funcionava, mas o quando começamos a tratá-las como irmãs, o filme ganhou magia”, lembra Buck.

Continua após a publicidade

Frozen 2 acompanha Elsa e Anna em uma nova empreitada, seis anos depois do primeiro filme, atrás das origens de seu reino, Arandelle. O longa estreia no Brasil em 2 de janeiro de 2020. Confira, abaixo, o trailer.

Os estúdio Pixar, braço da Disney, também trouxe a Comic Con sua aposta para o filão de animação em 2020: Dois Irmãos. Como o título entrega, o longa segue a jornada de dois irmãos, Ian e Barley, que tentam reviver seu falecido pai durante um dia.

Continua após a publicidade

Nos Estados Unidos, o ator Tom Holland dubla Ian, o irmão mais novo, e Chris Pratt, Barley, o mais velho. Dano Sacnalon, diretor da animação, esteve no painel e comentou a integração do elenco. “Tom e Chris são praticamente irmãos. Eles já se conheciam de Os Vingadores e trouxeram sua química para Dois Irmãos”. Ele disseca os personagens: “Ian é um menino de 16 anos, introvertido, mas charmoso de sua forma. Já Barley é caótico, o típico irmão mais velho. Ian ama o irmão, mas não necessariamente quer ficar com ele em todos os momentos, coisa que Barley adora”.

Três trechos inéditos do filme foram exibidos durante o painel.

Dois Irmãos estreia no Brasil em 6 de março de 2020. Confira, também, o trailer:

Continua após a publicidade
Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.