Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Desenho do renascentista Rafael vendido por US$ 47,8 mi

A obra em carvão, que pertencia desde o século XVIII à família do duque de Devonshire, serviu de rascunho para 'A Transfiguração', obra-prima do italiano

Por Da Redação 6 dez 2012, 12h14

Um desenho do artista renascentista italiano Rafael estabeleceu nesta quarta-feira, em Londres, um novo recorde para uma obra em papel, com 29,7 milhões de libras (47,8 milhões de dólares), anunciou a Casa Sotheby’s. A obra Cabeça de um Apóstolo, um dos desenhos mais importantes de Rafaello Sanzio, mais conhecido como Rafael (1483-1520), praticamente duplicou a estimativa inicial. A disputa, intensa, ocorreu entre quatro interessados.

O desenho em carvão, que pertencia desde o século XVIII à família do duque de Devonshire, serviu de rascunho para A Transfiguração, uma das últimas obras do artista italiano.

A Transfiguração foi encomendada pelo cardeal Giulio de Medici em 1516 e hoje é considerada pelos especialistas como “um dos quadros mais importantes do Renascimento”. Este óleo monumental foi pintado entre 1517 e 1520 e está no Museu do Vaticano. Conta-se que quando Rafael morreu, aos 37 anos, seu corpo foi colocado em seu ateliê diante da obra.

(Com agência France-Presse)

Continua após a publicidade
Publicidade