Clique e Assine por somente R$ 2,50/semana

Depois de 28 anos, Daft Punk anuncia fim do duo eletrônico

Duo francês marcou a história da dance music com hits como 'Get Lucky' e 'One More Time'

Por Tamara Nassif 22 fev 2021, 14h28

Nesta segunda-feira, 22, a dupla parisiense Guy-Manuel de Homem-Christo e Thomas Bangalter anunciou o fim do Daft Punk, uma das maiores referências da música eletrônica contemporânea. Formado em 1993, o duo comunicou a separação por meio de um vídeo de oito minutos intitulado “Epílogo”, no qual ambos os integrantes caminham por um deserto trajando suas marcas registradas – jaquetas e capacetes futuristas – até ocorrer uma explosão. Em seguida, aparece a inscrição “1993-2021”, como escritos em uma lápide.

Até o momento, o motivo para o fim da parceria não foi divulgado, muito embora o representante de longa data dos músicos, Kathy Frazier, já tenha confirmado o anúncio para o site Pitchfork. Originalmente roqueiros nomeados de “Darling”, Guy-Manuel e Thomas lançaram seu primeiro trabalho em uma coletânea de 1992, que foi criticada pela revista britânica Melody Maker como um feito de “um bando de punks bobos” (ou “daft punk”, em inglês). Desde então, assumiram a alfinetada como nome oficial e migraram para o cenário eletrônico – decisão em muito acertada, dado o sucesso da dupla. Alguns anos mais tarde, em 1997, lançaram o primeiro álbum oficial Homework, um marco na dance music dos anos 90 por reunir diversos estilos da música eletrônica.

Em quase 30 anos de estrada, o duo ganhou seis prêmios Grammy dentre doze indicações na carreira musical, com o mais recente disco Random Access Memories, de 2013, arrebanhando um dos gramofones mais importantes da cerimônia: o de melhor álbum do ano. Também foi vencedor das categorias de melhor álbum de eletrônica/dance e melhor engenharia de som de álbum não-clássico, além de seu hit mais famoso, Get Lucky, ter conquistado a de single do ano e melhor performance pop em grupo. Mais recentemente, participaram dos hits Starboy I Feel It Coming de The Weeknd, em 2016 – embora tenham optado pela discrição na maior parte do tempo.

Confira abaixo o vídeo de despedida do duo:

Continua após a publicidade
Publicidade