Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

David Letterman recebe seu sucessor em talk show

O veterano recebeu Stephen Colbert, que vai assumir a bancada do programa 'The Late Show' a partir de 2015

Por Da Redação 23 abr 2014, 10h54

Anunciado como o sucessor de David Letterman no talk show The Late Show, da emissora americana CBS, o humorista Stephen Colbert recebeu as boas vindas do veterano, que vai se aposentar em 2015, no programa desta terça-feira. Letterman, de 66 anos, está à frente do programa de entrevistas há 21 anos.

Leia também:

David Letterman anuncia aposentadoria

De Obama a Steve Martin, a repercussão a aposentadoria de Letterman

Stephen Colbert vai substituir David Letterman em 2015

Em clima descontraído, os colegas trocaram figurinhas sobre a contratação de Colbert para substituir Letterman. O humorista chegou a contar histórias que envolviam o apresentador, como quando foi convidado para ser estagiário no programa anterior de Letterman, Late Night, no canal NBC, em 1986. Na época, Colbert recusou: “Você não pagava as pessoas. E moramos em uma cidade cara”, em referência a Nova York. “Dave, preciso perguntar, o próximo trabalho que farei aqui é pago? Porque eu já assinei os documentos”, brincou.

Onze anos depois, em 1997, Colbert tentaria outro emprego com Letterman, que já estava na bancada de The Late Show. O humorista e um amigo, o ator e diretor Paul Dinello, enviaram um texto para a produção do programa na esperança de serem contratados como roteiristas, o que não aconteceu. Atualmente, ele é apresentador do satírico The Colbert Report, no canal Comedy Central.

Colbert se mostrou agradecido e empolgado em apresentar o Late Show a partir de 2015. “Vou fazer tudo o que você fez”, disse ele a Letterman. “Estou muito contente.” O veterano, conhecido por seu bom humor e sarcasmo, demonstrou sinceridade ao responder: “Eu também estou. Paul Shaffer (diretor musical e parceiro de Letterman no programa) e eu estamos fazendo isso há muito tempo. Podiam facilmente ter contratado um bobo como eu. Mas não contrataram.”

Continua após a publicidade
Publicidade