Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

David DePatie, criador de ‘Pantera Cor-de-Rosa’, morre aos 91 anos

Co-fundador da franquia de sucesso morreu de causas naturais

Por Tamara Nassif Atualizado em 14 out 2021, 14h39 - Publicado em 14 out 2021, 14h29

David DePatie, co-criador e produtor da franquia de animação Pantera Cor-de-Rosa, morreu aos 91 anos em Washington no último dia 23 de setembro. O falecimento, anunciado nesta quinta-feira, 14, pelo jornal The Seattle Times, ocorreu por causas naturais.

Ao lado de Friz Freleng (1905-1995), parceiro criativo de longa data, fundou a produtora DePatie-Freleng Enterprises, responsável por desenhos animados que dominavam as manhãs de sábado da TV – a incluir o primeiro programa d’A Pantera Cor-de-Rosa, lançado em 1969 e exibido até 1980 nos Estados Unidos. O personagem teria nascido de um esquete introdutório do filme Pantera Cor-de-Rosa, do diretor Blake Edwards com o ator Peter Sellers. A trama acompanha o roubo de um diamante que carrega a imagem do felino roseado – mas, dado o sucesso da figura, sempre embalada pela trilha sonora de Henry Mancini, ganhou um desenho próprio.

  • Nascido às vésperas do Natal de 1929, DePatie se autodescrevia como um “Warner Brat” (uma “criança da Warner”, em tradução livre): seu pai, Edmond DePatie, era um antigo executivo da gigante americana até se tornar vice-presidente do estúdio pessoal de Jack Warner, um dos quadro fundadores da empresa. Em 1961, David passou a seguir os passos do pai, entrando como produtor-executivo da Warner Bros. Cartoon. Ele foi o penúltimo a ocupar uma posição de chefia no extinto departamento de desenhos originais, até 1963, e também trabalhou como produtor-executivo dos estúdios Marvel até 1984, pouco tempo antes de se aposentar.

    Publicidade