Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Corpo de Oscar Niemeyer é levado para Brasília

Arquiteto será velado na capital federal e retorna ainda esta noite para o Rio, onde ocorre o enterro, na sexta-feira

Por Da Redação 6 dez 2012, 11h57

O cortejo que levava o caixão com o corpo de Oscar Niemeyer chegou ao aeroporto Santos Dumont por volta das 12h30 desta quinta-feira. Em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), ele foi levado para Brasília, onde será velado no Palácio do Planalto, das 16h às 20h.

Ainda na noite desta quinta, o corpo volta ao Rio de Janeiro, para ser velado em uma cerimônia fechada para os familiares. Na sexta-feira, o velório será aberto ao público, no Palácio da Cidade. O enterro do arquiteto está previsto para as 17h30, no Cemitério São João Batista, em Botafogo, zona sul da cidade.

Antes de seguir para a capital federal, a família de Niemeyer realizou uma missa no Hospital Samaritano, onde ele morreu na noite de quarta-feira por insuficiência respiratória, após ficar pouco mais de um mês internado. A celebração foi presidida pelos padres Omar e Jorjão, apesar de o arquiteto de 104 anos sempre ter se declarado ateu.

Em entrevista coletiva após a confirmação da morte, o médico de Niemeyer, Fernando Gjroup, contou que, durante a internação, o arquiteto teve momentos de lucidez e evitava falar sobre morte. “Ele chegou a trabalhar no hospital e conversar com a equipe dele sobre projetos. Ele nunca perguntava muito sobre seu estado de saúde. E falava só em viver.”

Leia também:

Morre Oscar Niemeyer, maior nome da arquitetura nacional

Morte de Niemeyer vira notícia nos principais jornais do mundo

‘Poucos sonharam tão intensamente’, afirma Dilma em nota oficial

Continua após a publicidade
Publicidade