Clique e assine a partir de 9,90/mês

Ator de ‘Empire’ é investigado por falsa acusação de agressão

Jussie Smollett foi hospitalizado no final de janeiro, afirmando que havia sofrido um ataque motivado por racismo e homofobia nas ruas de Chicago

Por Redação - Atualizado em 20 fev 2019, 22h00 - Publicado em 20 fev 2019, 20h40

O ator Jussie Smollett, da série Empire, passou a ser considerado suspeito na investigação sobre a agressão que ele afirmou ter sofrido em Chicago, no final de janeiro. Segundo o site da revista The Hollywood Reporter, a polícia afirmou que ele registrou um boletim de ocorrência falso.

Smollett, que é negro e gay, afirmou ter sofrido um ataque motivado por racismo e homofobia. Segundo ele, seus agressores também haviam feito uma referência ao slogan da campanha de Donald Trump nas eleições presidenciais americanas, “make America great again”, no momento do ataque.

De acordo com a The Hollywood Reporter, investigadores que estão cuidando do caso revisaram horas de gravações de câmeras de segurança da área onde Smollett afirma ter sido agredido, mas não conseguiram ver a agressão.

Na semana passada, a polícia prendeu dois suspeitos para interrogá-los, mas eles foram liberados cerca de 48 horas depois. A imprensa americana afirmou que os homens, dois irmãos, haviam trabalhado em Empire como figurantes. Passou a circular a informação, então, de que Smollett tinha forjado o ataque. Inicialmente, a polícia negou, mas no último sábado disse que o interrogatório dos dois irmãos havia “mudado o curso das investigações”.

Continua após a publicidade

Os advogados de Smollett negaram que o ator tenha forjado a agressão e afirmaram que ele estava chateado com as acusações. “Nada está mais distante da realidade”, disseram.

 

Publicidade