Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Astro de ‘Vampires Diaries’ encontra fãs enlouquecidos em SP

Por Da Redação 21 dez 2014, 19h49

Em plena luz do dia, o que seria praticamente impossível para um vampiro como Stefan Salvatore, personagem interpretado por ele na série The Vampire Diaries, o ator Paul Wesley se encontrou com fãs paulistanos em um hotel no Jardim Paulista, zona sul da capital. Era o fim da tarde deste domingo e os aficionados pelo seriado, no qual ele divide o protagonismo com Ian Somerhalder (que vive Damon, irmão mais velho de Stefan) e Nina Dobrev (a Elena Gilbert, interesse amoroso de ambos no início da série), amontoavam-se para ficar mais próximos do ídolo no encontro Inside The Show, no qual atores e admiradores ficam a frente a frente para sessão de perguntas e respostas, fotografias e autógrafos. Em outubro, Nathaniel Buzolic, o vampiro Kol Mikaelson das séries The Vampire Diaries e The Originals, derivada da primeira, estreou o evento.

Leia também:

Nããão: saga ‘Crepúsculo’ retornará em curtas no Facebook

Ator de ‘The Vampire Diaries’ vai atuar e produzir filme de ficção científica

Evento com atores da série ‘The Vampire Diaries’ termina em confusão em SP

Continua após a publicidade

A agenda de Wesley pelo Brasil foi agitada. Chegando ao país na sexta-feira, 19, o ator americano de 32 anos desembarcou no Rio, onde causou um pequeno alvoroço. Visitou o Cristo Redentor e estampou páginas de sites de fofoca simplesmente por aparecer todo vestido na piscina do hotel e na varanda do quarto. Sempre simpático, na manhã de domingo, ele se encontrou com fãs na Bolsa de Valores do Rio. À tarde, foi a vez dos paulistanos.

Em um salão com capacidade para 410 pessoas, qualquer vestígio de Wesley era recebido ao som gritos enlouquecidos. “Ele é meu personagem favorito da série”, conta Alexandra Cardoso, de 18 anos, com a amiga Mayara Caixeta, da mesma idade. As duas começaram a assistir a The Vampire Diaries no ano passado, na 5ª temporada.

A presença de vampiros em produtos culturais tornou-se extremamente popular depois do sucesso da série de livros e filmes Crepúsculo, mas a força de Vampire Diaries não está nos seres das trevas. O triângulo amoroso entre os protagonistas é o combustível para a trama chegar ao sexto ano com fôlego para levar tanta gente a um hotel em São Paulo para encontrar com o ídolo (desembolsando algumas centenas de reais para isso). “Não é uma história de menininha”, diz Alexandra. “Não é como Gossip Girl“, comenta a amiga, citando outra atração de grande apelo juvenil, mas sem vampiros e altas doses de tramoias adolescentes.

Fã chora em encontro com o ator americano Paul Wesley, da série 'The Vampire Diaries', em São Paulo
Fã chora em encontro com o ator americano Paul Wesley, da série ‘The Vampire Diaries’, em São Paulo VEJA

(Com Estadão Conteúdo)

Continua após a publicidade

Publicidade