Clique e Assine a partir de R$ 7,90/mês

Anitta vence prêmio latino no MTV Europe Music Awards

Premiação do canal europeu consagrou Justin Bieber, que levou cinco estatuetas

Por Da Redação 26 out 2015, 14h59

A carioca Anitta levou o prêmio Best Worldwide Act: Latin America, no MTV Europe Music Awards (EMA), honraria dedicada a músicos latinos. A brasileira superou o argentino Axel, o colombiano J Balvin e o mexicano Mario Bautista, que concorriam com ela pela estatueta. “Eu não tenho palavras para descrever o que estou sentindo agora”, disse Anitta em seu perfil no Facebook após saber que tinha vencido a categoria. “Preciso dizer que esse é um dos dias mais emocionantes da minha vida. Eu sou tão nova, minha carreira é tão nova. Eu nunca pensei que pudesse conseguir isso, meu sonho cada dia se tornando maior e mais real.”

Leia também:

Anitta mira – e acerta – em pop alegre e vibrante em novo CD

De Anitta a Miley, as cantoras que desafinam no visual

Anitta vai participar da próxima novela de Aguinaldo Silva

Continua após a publicidade

Anitta bate boca com blogueiros que sugeriram mandá-la ao Acre

Apresentada em Milão, Itália, a premiação consagrou Justin Bieber. O cantor saiu da cerimônia com cinco prêmios. Ele também subiu ao palco para entoar seu novo hit, What Do You Mean?. O canadense ficou com os troféus de artista masculino, melhor look, melhores fãs, artista internacional: América do Norte, e colaboração, pela parceria com Skrillex e Diplo na canção Where Are U Now?.

O que também chamou a atenção não foi exatamente um artista, mas sim a ausência de muitos deles. Taylor Swift, que levou o prêmio de melhor canção por Bad Blood; Rihanna, que ficou com a estatueta de artista feminina; a boyband One Direction, que ganhou como melhor artista pop; e Nicki Minaj, vencedora na categoria de hip hop, foram alguns dos que esnobaram a festa.

O prêmio, também transmitido em streaming através de um aplicativo, foi apresentado pela atriz Ruby Rose, da série Orange Is the New Black, e pelo cantor britânico Ed Sheeran, que acrescentou os prêmios de melhor artista ao vivo e melhor artista de palco do mundo à sua coleção de troféus do EMA.

(Da redação com agência Reuters)

Continua após a publicidade

Publicidade