Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês

Aline e Dona Ledi: tal mãe, tal filha no BBB14

Mãe de Aline, Dona Ledi já aprontou poucas e boas no confinamento. E em matéria de drama, não fica muito atrás da filha atriz

Por Andrea Rangel, do Rio de Janeiro 9 mar 2014, 15h28

A mãe de Aline não é atriz, mas já chegou fazendo drama – e comédia – no BBB. Assim como a filha, Dona Ledi desce até o chão ao som de funk, é dramática (a ponto de implorar pela permanência de Aline na casa) e também abusa do álcool. As semelhanças não param por aí: assim como a atriz, Dona Ledi também é adepta da cirurgia plástica, e ao exagerar no preenchimento labial, não conseguiu assobiar – ela tentava se comunicar com a filha do outro lado do muro ( o bocão de Aline também não é de fábrica).

Aline foi uma das últimas sisters a conversar com a mãe na manhã deste domingo. Em conversa com Vanessa, ela demonstrou toda a sua indiferença com a visita materna: “Elas conseguiram falar alguma coisa de interessante?”. “Sim”, respondeu Vanessa, que retornou ao jardim da casa para interagir com os familiares. Ao entrar no confinamento, Dona Ledi também não estava muito empenhada em conversar com a filha, já que preferiu comer os quitutes oferecidos a tentar se comunicar com Aline – ao contrário das outras participantes, que se esgoelavam para serem ouvidas e aguardavam ansiosas o retorno dos brothers.

Na primeira conversa que teve com Aline neste domingo, Dona Ledi chegou a dizer que a filha teria uma torcida na Internet, deixando admirada a sister com complexo de inferioridade: “Tem louco pra tudo nesse mundo, até para gostar de mim”, exclamou a mal amada da edição. Exagerada como a filha, Dona Ledi também parece encarar os fatos com uma lente de aumento: “Têm loucos de paixão”, disparou a mãe da atriz, que pelo menos adota a linha ‘Pollyana’. Assim como a filha, ela também gostar de beber uns drinks a mais – a advogada teria entrado no confinamento com uma garrafa de vodca escondida na mala, mas a bebida foi confiscada pela produção. Durante a festa deste sábado, ela chegou a anunciar: “Eu tô fazendo igual a vocês, tomei champanhe, agora eu vou tomar uma cervejinha e caipirinha”, explanou. Mas ao contrário de Aline, que é falsa ao extremo, Dona Ledi peca pela ausência de papas na língua: “A sua filha tem o nariz muito grande”, disse à mãe de Tatiele, provando que como Aline, perde ótimas oportunidades de ficar calada.


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês