Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês

Acusado de antissemitismo, John Galliano ‘desfila’ de judeu

Por Da Redação 13 fev 2013, 21h56

O estilista John Galliano, que foi demitido há dois anos da Dior depois de ter ataques de antissemitismo em Paris, voltou a mexer com a comunidade judaica. O britânico foi flagrado em Nova York vestido como um judeu ortodoxo — um estilo que é determinado pela crença religiosa, não por valores estéticos. Galliano está em NY a convite de Oscar de la Renta, que concedeu uma segunda chance ao estilista ao oferecer um trabalho de três semanas em seu estúdio. Chance de retorno ao mundo da moda que Galliano pode agora desperdiçar.

Em foto divulgada pelo jornal The New York Post, o britânico aparece com chapéu negro largo, paletó negro e mechas de cabelo encaracolado de ambos os lados da cabeça. O figurino do estilista despertou a indignação de líderes civis e religiosos da comunidade judaica de Nova York, como o chefe comunitário de Williamsburg, Isaac Abraham, que disse ao jornal que o penteado de Galliano parecia feito “de propósito para insultar”.

“Se fosse qualquer outra pessoa vestida assim, não saberia o que dizer a respeito. Mas, levando em conta o histórico, este sujeito precisa explicar se está rindo de nós”, disse Dov Hikind, outro líder da comunidade judaica do Brooklyn.

Após a eclosão do escândalo em Paris em 2011, Galliano passou a tratar de seu alcoolismo — seus ataques antissemitas aconteceram quando ele estava para lá de Bagdá — e e em janeiro, numa clara tentativa de ser anistiado, disse à revista Women’s Wear Daily que lamentava ter “ferido” outras pessoas, “especialmente membros da comunidade judaica”, e disse estar “comprometido” a mudar. O flagra do New York Post, no entanto, põe em dúvida a sua sinceridade.

Vale lembrar que Galliano está em NY a convite do dominicano Oscar de la Renta, que o chamou para colaborar na criação de uma coleção, colaboração que foi vista na noite desta terça-feira em desfile na Semana de Moda de Nova York. De la Renta concedeu uma segunda chance a Galliano, que pode pôr tudo a perder.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)