Assine VEJA por R$2,00/semana
Continua após publicidade

5 filmes com professores que fizeram história no cinema

De clássicos a produções recentes, a profissão de educador já rendeu belíssimas produções; confira dicas

Por Raquel Carneiro Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO
Atualizado em 15 out 2022, 08h25 - Publicado em 15 out 2022, 08h10

O cinema é repleto de ótimos professores — especialmente em escolas difíceis. A seguir, confira uma seleção de cinco filmes com educadores que, na ficção, deixaram um impacto nos alunos, e de quebra cravaram seu lugar na história do cinema.

Ao Mestre, Com Carinho (1967)
Disponível para aluguel em plataformas digitais como Apple

Com o incomparável ator Sidney Poitier na pele de um professor de uma escola em Londres, o filme dramático marcou época ao adicionar o elemento do racismo à uma trama sobre educação: o professor negro lidava com uma classe de alunos rebeldes e brancos. A produção ainda fez sucesso nas paradas musicais: a canção tema do filme, To Sir, with Love, virou hit e concorreu ao Grammy. 

Sociedade dos Poetas Mortos (1989)
Disponível no Star+

Continua após a publicidade

Vencedor do Oscar de melhor roteiro original, o filme retrata um internato para garotos de classe alta e um mestre intrigante, vivido com brilho por Robin Williams. O professor de Inglês lhes apresenta o gosto pela arte e pela poesia, o que acarreta numa série de acontecimentos.

Entre os Muros da Escola (2008)
Disponível no Prime Video, da Amazon

Vencedor da Palma de Ouro, no Festival de Cannes, o filme retrata o dia a dia de um professor de literatura em uma escola de ensino médio na periferia de Paris. O detalhe curioso é que a trama é baseada no livro de memórias de François Bégaudeau — e o próprio aceitou o desafio de interpretar a si mesmo na recriação das cenas descritas por ele. O colégio é um teste de paciência e resiliência para o professor, que lida com os dilemas sociais da comunidade ao redor. 

Druk – Mais uma Rodada (2021)
Disponível no Telecine e em plataformas de aluguel

Continua após a publicidade

Mais voltado para a vida pessoal dos professores do que o impacto causado por eles nos alunos, o filme dinamarquês acompanha um grupo de educadores que tenta comprovar uma teoria: que as pessoas com um pouco de álcool no sangue são mais felizes e bem-sucedidas. O roteiro tragicômico tem Mads Mikkelsen no protagonismo e ganhou o Oscar de melhor filme internacional.

A Felicidade das Pequenas Coisas (2022)
Disponível no Telecine e em plataformas de aluguel

Primeiro filme do Butão a concorrer ao Oscar, na categoria de melhor filme internacional, o drama segue um professor de educação infantil que está em crise com a profissão. Porém, ele precisa aceitar um último trabalho: dar aula para uma classe num vilarejo no Himalaia, considerada a escola mais isolada do mundo. A jornada até lá (que inclui dias de caminhada) e o período com uma comunidade tão distinta mexe com o professor e o faz refletir sobre os planos para o futuro.

Continua após a publicidade

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.