Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
#VirouViral Por Duda Monteiro de Barros Como surgem e se espalham os assuntos mais comentados da internet

O estranho fetiche de uma alemã está rodando o mundo

Mulher, que já teve relacionamentos tradicionais, fala abertamente sobre sua sexualidade

Por Duda Monteiro de Barros Atualizado em 3 jun 2022, 14h06 - Publicado em 2 jun 2022, 16h34

Objectum sexual: parafilia no qual uma pessoa se sente atraída por objetos inanimados em vez de pessoas. É assim que Sarah Rodo, 23, se identifica. A alemã anunciou esta semana que engatou um relacionamento com um avião de passageiros, a que se refere como namorado. A jovem viaja regularmente de aeronave para ficar perto de seu amor, mas para matar a saudade causada pela distância no dia a dia ela, astuta, coleciona cinquenta pequenas réplicas em seu quarto — e em sua cama, claro.

Antes de se entender como objetofilíaca, a mulher experimentou uma jornada em busca de sua verdadeira essência e sexualidade. E até chegou a ter relacionamentos com homens — mas não gostou. “Não queria abraçar ou me tornar íntima de pessoas. Com meus objetos, ocorre o contrário. É o melhor sexo que já fiz”, diz.

Se engana quem pensa que é só uma fase. “Sou atraída por objetos desde a adolescência – notei isso pela primeira vez aos 14 anos”, revelou ao tabloide britânico The Mirror. Como prova de seus sentimentos, Sarah fez duas tatuagens de seu namorado no braço e já pensa em casamento. Esse tipo de matrimônio, porém, ainda é considerado ilegal na Alemanha. Por enquanto.

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)