Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

VEJA Gente

Por Valmir Moratelli
Notícias sobre as pessoas mais influentes do mundo do entretenimento, das artes e dos negócios
Continua após publicidade

Regina Duarte terá queda brutal de salário se entrar no governo Bolsonaro

Atriz tem contrato vigente com a Globo

Por João Batista Jr. Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 17 jan 2020, 19h14 - Publicado em 17 jan 2020, 18h31

Conforme publicou a Folha de S. Paulo, a atriz Regina Duarte foi convidada para assumir o comando da Secretaria Especial da Cultura no lugar de Roberto Alvim, que caiu após copiar discurso e estética nazista em pronunciamento. O próprio Jair Bolsonaro teria telefonado para ela, que ficou de responder até sábado, 18. Caso aceite a vaga, Regina terá uma queda enorme de seus rendimentos. Alvim recebia 15.689,26 reais de salário. Na Rede Globo, Regina tem salário fixo de 60 000 reais — e passa para 120 000 reais quando está no ar. Procurada por VEJA, a emissora informa que a atriz segue com contrato vigente com a empresa. Regina ainda não comunicou o convite à Globo. A atriz disse dar uma resposta a Bolsonaro até sábado, 18.

A verdade é que Regina Duarte se sente deslocada dentro da emissora, diante da conjuntura do país e da visão dela de mundo. Apoiadora contumaz de Jair Bolsonaro, que por sua vez tem na emissora carioca uma grande inimiga, Regina não tem emplacado personagens marcantes em produções recentes. No fim do ano passado, com os cortes promovidos pela Globo, o nome dela foi falado como um dos que seriam limados – algo que não aconteceu.

André Sturm, Secretário de Audiovisual, também apareceu como cotado para assumir o posto de Alvim. Pessoas próximas a ele negam o convite.


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.