Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
VEJA Gente Por Valmir Moratelli Notícias sobre as pessoas mais influentes do mundo do entretenimento, das artes e dos negócios

Como a crise política mexeu com o título da novela das 7

"Pega Ladrão" foi derrubado pela direção da emissora — soaria um tanto ingênuo antes das manchetes de política brasileira no "Jornal Nacional"

Por Bruno Meier Atualizado em 13 jun 2017, 16h47 - Publicado em 13 jun 2017, 15h48

Thiago Martins, Camila Queiroz e Mateus Solano.

 

Deu certo trabalho para chegar ao título da nova novela das 7 da Globo, que estreou na terça-feira passada e teve o melhor desempenho de lançamento desde Cheias de Charme (2012) – 29 pontos na Grande São Paulo. Pega Ladrão foi derrubado pela direção da emissora — soaria um tanto ingênuo antes das manchetes de política brasileira no Jornal Nacional.

Acostumados com o título original, os atores ficaram na expectativa do novo nome por dias. A própria Comunicação da emissora anunciava o título Pega Ladrão para veículos de imprensa. Na última hora, bateu-se o martelo com Pega Pega.

“Eu adorava o outro nome, mas com tantos escândalos no país não ficaria bem”, diz o ator Thiago Martins, 28 anos, intérprete do garçom Júlio na trama.

Nem todo o elenco ainda está acostumado com o novo título. Em entrevistas, atores do primeiro time, como Camila Queiroz, ainda esquece do título escolhido e lembra do outro. “Força do hábito”, explica.

Parece que a história de um roubo de 40 milhões de dólares de um hotel carioca, mote da novela, pegou na primeira semana – o índice se manteve nos 27 pontos em São Paulo, maior que as últimas novelas em cartaz.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)