Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Nova Temporada Por Fernanda Furquim Este é um espaço dedicado às séries e minisséries produzidas para a televisão. Traz informações, comentários e curiosidades sobre produções de todas as épocas.

Nova Série – Lights Out, a Vida de um Boxeador

A nova aposta do canal FX americano traz um tema pouco explorado pelas séries de TV: o mundo do boxe. Nem mesmo o sucesso de “Rocky, o Lutador” fez com que a televisão produzisse um seriado situado nesse ambiente. Foi preciso que, em 2008, o esporte fosse responsável pelo retorno de Mickey Rourke para que […]

Por Fernanda Furquim Atualizado em 31 jul 2020, 13h11 - Publicado em 11 jan 2011, 20h00

A nova aposta do canal FX americano traz um tema pouco explorado pelas séries de TV: o mundo do boxe. Nem mesmo o sucesso de “Rocky, o Lutador” fez com que a televisão produzisse um seriado situado nesse ambiente. Foi preciso que, em 2008, o esporte fosse responsável pelo retorno de Mickey Rourke para que uma série de TV surgisse explorando esse universo.

É claro que o tema já foi visto na TV. O boxe, por exemplo, deu a Rod Serling seu segundo Emmy, pelo roteiro de “Réquiem para um Lutador”, teleteatro de 1957, que se transformaria em uma das primeiras adaptações cinematográficas de um roteiro feito para a TV. A história foi lançada nos cinemas em 1962, com Anthony Quinn substituindo Jack Palance. Mas, com exceção de episódios aqui e ali, o boxe teria sido tema de uma única série (que se tenha notícias): “Ressurrection Blvd”, produzida para o canal Showtime entre 2001 e 2002, com 53 episódios.

A aposta do FX tem agradado a crítica americana, que recebeu do canal todos os 13 episódios produzidos para a primeira temporada para que pudessem avaliar antes de sua estreia. Anunciada sem muito alarde, a produção foi encomendada em outubro de 2009. De lá para cá, pouco se ouviu falar sobre essa série, visto não se tratar de ‘uma superprodução, super aguardada’.

“Lights Out” foi criada por Justin Zackham, em sua estreia como autor de uma série, e Warren Leight, um dos roteiristas e produtores de “In Treatment” e “Law & Order: CI”. A história faz parte do ‘novo perfil’ adotado pelo canal: retornar às suas origens produzindo séries voltadas para o universo masculino. Fazem parte desse pacote “Justified“, “Terriers” (já cancelada), “The League“, “Louie” e o desenho “Archer“.

Continua após a publicidade

Na história de “Lights Out”, Patrick Leary (Holt McCallany) é um boxeador peso pesado que se aposentou há cinco anos, quando descobriu sofrer de uma disfunção neurológica que causa perdas de memória. Durante os últimos anos, ele viveu confortavelmente com o dinheiro que ganhou nas lutas.

Patrick comprou para o pai (Stacy Keach) uma academia onde outros lutadores treinam, e mantém seu irmão, Johnny (Pablo Schreiber), como seu agente. Casado com Theresa ( Catherine McCormack), que está terminando seu período de residência em um hospital, Patrick tem três filhas. Mas sua vida sofre uma reviravolta quando ele é informado por seu irmão que o dinheiro acabou. Endividado, Patrick planeja retornar aos ringues.

A série teve um primeiro episódio piloto filmado em abril de 2009, que não chegou a ser aprovado pelo canal. Entre as alterações que foram solicitadas pelo FX estava a troca de atores. Quase todo mundo saiu, ficando apenas Holt e as três atrizes que interpretam suas filhas. Dessa forma, cerca de 75% do conteúdo foi refilmado em março de 2010.

Também foram alteradas algumas situações. Por exemplo, no original, Theresa era uma cirurgiã há anos. Mas, para enfatizar os problemas financeiros do casal, ela passou a ser uma estudante de medicina, sustentada pelo marido. Outra mudança feita foi transformar Johnny, o irmão de Patrick, em seu agente, que eram personagens separados. Desta forma, somando-se a figura do pai,  surgiu um triângulo familiar com conflitos de interesses.

Situada em New Jersey, a série conta com o apoio de Teddy Atlas, ex-lutador de boxe e atualmente treinador, que atua como consultor sobre o tema; além de Bobby Beckles, coordenador de dublês para as cenas de luta. As relações familiares e os conflitos pessoais não são as únicas questões abordadas pela série, que também pretende explorar os bastidores do mundo do boxe, cercado por corrupção e desdém, sonhos e frustrações.

Confiram fotos, cartaz e mais informações aqui.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=bpVAyZAse70?wmode=transparent&fs=1&hl=en&modestbranding=1&iv_load_policy=3&showsearch=0&rel=1&theme=dark&feature=related&w=425&h=344%5D

Continua após a publicidade

Publicidade