Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Nova Temporada Por Fernanda Furquim Este é um espaço dedicado às séries e minisséries produzidas para a televisão. Traz informações, comentários e curiosidades sobre produções de todas as épocas.

‘Love Child’ terá segunda temporada

Anunciada como minissérie, Love Child ganha a encomenda da segunda temporada. Com isso, os episódios da minissérie passam a ser considerados a primeira temporada. Esta é uma produção australiana que estreou este mês em seu país. Com apenas dois episódios exibidos, a série registra a média de 1.41 milhão de telespectadores. Audiência considerada boa pelo […]

Por Fernanda Furquim Atualizado em 31 jul 2020, 04h20 - Publicado em 2 mar 2014, 16h32
sdf

Jessica Marais em ‘Love Child’

Anunciada como minissérie, Love Child ganha a encomenda da segunda temporada. Com isso, os episódios da minissérie passam a ser considerados a primeira temporada.

Esta é uma produção australiana que estreou este mês em seu país. Com apenas dois episódios exibidos, a série registra a média de 1.41 milhão de telespectadores. Audiência considerada boa pelo canal Nine Network.

Criada por Sarah Lambert, a história é situda no ano de 1969, período em que ocorre a revolução cultural e sexual, que são apresentadas na série através de situações vividas por mães solteiras, obrigadas a entregar seus filhos para adoção.

Elas são mulheres que passam o período de gravidez na Stanton House, residência para mulheres grávidas que fugiram ou foram expulsas de casa, ou que vieram das ruas de Darlinghurst, bairro boêmio de Sydney.

Continua após a publicidade

Rigidamente controlada por Frances Bolton (Mandy McElhinney), a casa reúne mulheres de diferentes níveis sociais e culturais. A única que parece se preocupar com a saúde emocional dessas mulheres é Joan (Jessica Marais, de Magic City) uma parteira que começou a trabalhar no Kings Cross Hospital, adjacente à casa. É lá que as mulheres grávidas trabalham lavando a roupa suja do hospital para ajudar a pagar a estadia e comida.

Buscando defender os direitos dessas mulheres, Joan entra em conflito com o Dr. Patrick McNaughton (Jonathan LaPaglia, de The Slap, Cold Case, Seven Days), um homem que acredita piamente no sistema. Mas quando Annie (Gracie Gilbert) volta ao hospital para tentar recuperar sua filha entregue para adoção, Joan começa a questionar todo o sistema de adoção da época.

Entre os atores que retornam para a segunda temporada estão Marais, LaPaglia, McElhinney, Gilbert, Ella Scott Lynch (Shirley Ryan), Sophie Hensser (Viv Maguire), Harriet Dyer (Patricia Saunders) e Miranda Tapsell (Martha Tenant).

A segunda temporada inicia na noite de ano novo de 1970. A previsão de estreia é para 2015.

Cliquem na foto para ampliar. 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês