Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Nova Temporada Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Fernanda Furquim
Este é um espaço dedicado às séries e minisséries produzidas para a televisão. Traz informações, comentários e curiosidades sobre produções de todas as épocas.
Continua após publicidade

‘Boss’ não terá telefilme para encerrar sua história

Quando Boss foi cancelada em novembro de 2012, o canal Starz chegou a indicar a possibilidade de produzir um telefilme para encerrar a história desenvolvida na série. Isto não vai acontecer. Em coletiva realizada hoje nos EUA, Chris Albrecht, diretor do Starz, disse que eles não encontraram uma forma de viabilizar sua produção, conforme foi […]

Por Fernanda Furquim
Atualizado em 31 jul 2020, 05h44 - Publicado em 26 jul 2013, 17h59

Quando Boss foi cancelada em novembro de 2012, o canal Starz chegou a indicar a possibilidade de produzir um telefilme para encerrar a história desenvolvida na série. Isto não vai acontecer. Em coletiva realizada hoje nos EUA, Chris Albrecht, diretor do Starz, disse que eles não encontraram uma forma de viabilizar sua produção, conforme foi divulgado pela imprensa americana. Um dos problemas teria sido a impossibilidade de Farhad Safinia, criador da série, visualizar uma maneira de finalizar a história em duas horas de duração.

A série foi encomendada em 2010 sem passar pela produção de um episódio piloto para avaliação. Antes mesmo de sua estreia, Boss foi renovada para sua segunda temporada. Mas, embora bem recebida pela crítica, a série não conseguiu se enquadrar no perfil de público do Starz, que vem se estabelecendo como um canal voltado a produções de ação e aventura. A série também não conseguiu se estabelecer junto à distribuição para canais internacionais.

Estrelada por Kelsey Grammer, Boss foi inspirada em Rei Lear, de William Shakespeare. Na história, o prefeito de Chicago é diagnosticado com uma doença neurológica degenerativa. Tentando se manter no cargo, ele esconde de todos sua situação. Mesmo cancelada, Boss consegue oferecer uma espécie de final para algumas das situações apresentadas ao longo dos episódios.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.