Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Tela Plana Por Blog Críticas e análises sobre o universo da televisão e das plataformas de streaming

Com aborto e seios nus, série da Globo ‘peita’ Brasil bolsonarista

Episódio de 'Segunda Chamada' repercutiu nas redes sociais com cenas da morte de uma grávida e de protesto pela amamentação em lugares públicos

Por Marcelo Marthe Atualizado em 6 nov 2019, 11h20 - Publicado em 6 nov 2019, 09h56

Engana-se quem pensa que as tensões entre a Globo e o bolsonarismo se limitam à reportagem sobre o porteiro que envolveu o presidente no caso Marielle. Está em curso uma guerra cultural muito mais sutil – e interessante – opondo as visões de mundo da emissora e de um governo cujo conservadorismo na seara dos costumes é encarnado por ministros como Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) e Abraham Weintraub (Educação). A série Segunda Chamada é a nova trincheira dessa guerra.

A internet enlouqueceu nesta terça-feira 5 com o forte conteúdo feminista no mais recente episódio do programa – que aborda as mazelas da educação por meio da rotina dura da professora Lúcia (Deborah Bloch) e seus alunos adultos numa escola pública na periferia de São Paulo.

Uma das subtramas de destaque no episódio foi o trágico destino de Rita, aluna vivida por Nanda Costa. Pobre e mãe de três filhos, a moça se desespera quando busca o médico para fazer uma ligação de trompas – e descobre que está grávida de novo. Rita tenta um aborto clandestino – e morre. Seu drama foi o mote para se falar sobre os direitos reprodutivos da mulher.

A outra passagem que abalou as redes teve como tema o direito da mulher à amamentação dos rebentos. A aluna evangélica Márcia (Sara Antunes), que já havia dado à luz seu filho em plena escola, precisa levar o bebê à sala de aula. Na hora de amamentá-lo, o companheiro se irrita com as reações machistas de outros alunos. Mas Márcia insiste – e as alunas fazem um ruidoso protesto em seu apoio: exibem seus seios com legítimo orgulho feminista diante dos marmanjos. Imagine o susto da ministra Damares ao ver isso.

No momento da exibição, as cenas levaram Segunda Chamada ao topo dos trending topics do Twitter. Confira as reações:

Continua após a publicidade

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês