Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Ricardo Rangel

Lira, Pacheco e o Centrão ainda não entenderam

O presidente do Senado e o presidente da Câmara acreditam que é possível preservar a democracia sem desagradar o autocrata

Por Ricardo Rangel Atualizado em 10 Maio 2022, 18h40 - Publicado em 10 Maio 2022, 16h58

“Eu fui eleito nesse sistema durante seis eleições e não posso dizer que esse sistema não funciona. O sistema é confiável.”, afirmou o presidente da Câmara Arthur Lira nesta terça-feira. Não mencionou Jair Bolsonaro.

“Não podemos admitir sequer uma bravata relacionada a fechamento do Supremo, a cancelamento de eleições, a volta da ditadura militar ou de atos institucionais”, afirmou o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, no último domingo. Não mencionou Jair Bolsonaro.

As declarações de Lira e Pacheco vêm, como se diz em inglês, too little, too late. São insuficientes e tardias. Bolsonaro afirma todo dia que o sistema eleitoral não é confiável, mas Lira não ousa criticá-lo. Bolsonaro faz bravatas golpistas desde sempre, mas Pacheco não ousa criticá-lo.

Integrantes do PL se dizem constrangidos com a guerra que Bolsonaro move contra o TSE, informa a jornalista Malu Gaspar. Mas mantêm Bolsonaro como candidato a presidente, não ousam criticá-lo nem mesmo em off e se mostram dispostos a cumprir sua vontade de contratar uma empresa para auditar as eleições e hostilizar o TSE.

Enquanto isso, Bolsonaro não para de avançar no esforço de desmoralizar o processo eleitoral, com vistas a melar o resultado.

Lira, Pacheco e políticos do Centrão querem preservar a democracia, mas sem desagradar o autocrata. E sem abrir mão dos bilhões do orçamento secreto. E acham que vão conseguir fazer isso até 2027.

Era uma vez um lobo que convidou um grupo de cordeiros para jantar. Os cordeiros, que se achavam muito espertos, acreditaram que poderiam se empanturrar e depois levantar da mesa a tempo. Aceitaram o convite.

O final não é bonito.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês