Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

STF autoriza investigação contra ministro do TCU e deputado por propina em CPI

Os dois foram citados na delação premiada do senador cassado Delcídio do Amaral (ex-PT-MS); as suspeitas são de corrupção passiva e lavagem de dinheiro

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 30 jul 2020, 22h40 - Publicado em 20 Maio 2016, 15h36

Por Laryssa Borges, na VEJA.com:

O ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou a abertura de investigação contra o ex-senador e atual ministro do Tribunal de Contas da União (TCU) Vital do Rêgo e contra o deputado e ex-presidente da Câmara Marco Maia (PT-RS). Os dois foram citados na delação premiada do senador cassado Delcídio do Amaral (ex-PT-MS) como responsáveis por cobrar propina disfarçada de doação eleitoral para que empreiteiros não fossem convocados a prestar depoimento à CPI mista da Petrobras, em 2014. As suspeitas são de prática dos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Em depoimento aos investigadores, Delcídio afirmou que existia um esquema na CPI mista da Petrobras para blindar os empreiteiros Leo Pinheiro (OAS) e Ricardo Pessoa (UTC) e o lobista Julio Camargo (ex-Toyo Setal). Na época, Vital era presidente da comissão e Marco Maia, o relator. Segundo o delator, os empresários enrolados no petrolão se reuniram com integrantes da comissão, entre eles Vital e Marco Maia, para acertarem o “pedágio” em troca da não convocação para depor ao colegiado.

Na época em que o Ministério Público Federal pediu a abertura de inquérito, o deputado petista afirmou que “entende a posição do MP”, mas que confia em que a investigação irá mostrar que ele foi vítima de uma “mentira descabida” feita com a intenção de desgastar a imagem dele e do PT. O atual ministro do TCU Vital do Rêgo afirmou por meio de nota que “está à disposição das instituições para qualquer esclarecimento”.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês